Variedades

Chico: 'não assinatura de Bolsonaro no diploma é para mim um 2º prêmio Camões'

COMPARTILHE
39

Após o presidente Jair Bolsonaro afirmar, na terça-feira, 8, que só assinaria o diploma do Prêmio Camões, destinado a Chico Buarque, em 31 de dezembro de 2026, o cantor e compositor fez uma rara declaração em sua página no Instagram. “A não assinatura do Bolsonaro no diploma é para mim um segundo prêmio Camões”, diz o post do músico.

Humorista Evandro Santo relata que foi agredido após show em Marília

O humorista Evandro Santo, que trabalhou no programa Pânico por 11 anos, publicou duas...

Casa da Barbie poderá ser reservada para hospedagem em Malibu

Se você brincou com a casa da Barbie quando era criança e achava divertido,...

Aos 83 anos, Ignácio de Loyola toma posse na ABL cheio de planos

Com um discurso marcado por referências políticas, recordações da infância e juventude e menções...

O anúncio de que Chico Buarque de Holanda havia vencido o Prêmio Camões de 2019, pelo conjunto de sua obra, foi feito em maio passado e o valor total é de 100 mil euros, com o pagamento dividido entre Brasil e Portugal. A parte brasileira, por sinal, já foi paga em junho.

Trata-se da maior distinção em literatura da escrita portuguesa. A eleição aconteceu na Biblioteca Nacional, no Rio, onde, após uma reunião de duas horas, um júri anunciou o nome vencedor.

Continua depois da publicidade

Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade