Política Regional

Educação e segurança pública são as áreas com melhor desempenho em Muniz Freire

COMPARTILHE
383

Na sequência de reportagens sobre a avaliação da administração do prefeito de Muniz Freire, Carlos Brahim Bazzarella, o Doutor Carlinhos (PROS), feita pelo Instituto Solução, o AQUINOTICIAS.COM apresenta o desempenho de alguns setores no município.

STJ nega pedido de liberdade a assassino de ex-governador do Espírito Santo, Gerson Camata

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou na noite desta quarta-feira (16) pedido do...

Irupi é o primeiro município do Caparaó a implantar projeto “Câmara sem Papel”

A Câmara Municipal de Irupi implantou nesta semana o projeto “Câmara sem Papel”, com...

Em seu dia, professores conduzem sessão ordinária na Câmara de Cachoeiro

Nesta terça-feira (15),  Dia do Professor, o presidente da Câmara de Vereadores de Cachoeiro,...

As áreas da educação e segurança pública foram as que tiveram melhor avaliação do público entrevistado entre os dias 13 e 14 deste mês.

Para 54% dos entrevistados, a educação de Muniz Freire é boa ou ótima; 30% consideram regular; e 15% consideram ruim ou péssima.

Continua depois da publicidade

 

Apenas 24,75% das pessoas ouvidas pelo Instituto Solução disseram que a saúde da cidade é boa ou ótima; 30,75% consideram regular; 43,75% afirma que essa é uma área ruim ou péssima e que precisa de mais atenção do poder público.

 

A área social é considerada boa ou ótima por apenas 25,25% da população; 42,75% dizem que é regular; e 27,50% afirmam ser ruim ou péssima.

 

Quando o assunto é agricultura e estradas rurais, 28,50% dos entrevistados sinalizam para boa ou ótima; 25% consideram regular; e 40,25% afirmam ser ruim ou péssima.

A gestão das áreas de turismo e cultura é considerada boa ou ótima por apenas 12,75% da população; Para 25,50% é regular; e a maioria, 52% afirmam que é ruim ou péssima e precisa melhorar.

 

Já a área de segurança pública tem aprovação da maioria dos entrevistados, 54% consideram boa ou ótima; 25,50% dizem ser regular; e apenas 19,25% afirmam ser ruim ou péssima.

*Foram ouvidas nesta pesquisa 400 pessoas nas áreas urbana e no interior da cidade. A margem de erro é de 4.8 pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%.

Publicidade