Segurança

Após aborto mal sucedido, casal é preso por matar bebê asfixiado no Espírito Santo 

COMPARTILHE
2659

A equipe da 17ª Delegacia Regional de Nova Venécia prendeu, na última sexta-feira (30), dois suspeitos de assassinarem um bebê. O crime ocorreu no inicio deste mês, no dia seis de, em Vila Pavão.

Suspeito de tentativa de assalto é baleado e morto em Cachoeiro

Um homem, até o momento não identificado, foi baleado e morto na noite desta...

PM realiza mais uma apreensão de drogas com o cão Messi em Cachoeiro

Nesta quarta-feira (16), mais uma importante apreensão de drogas foi registrada pela Polícia Militar...

Segunda fase de operação da PF contra exploração sexual infantil tem alvo em Anchieta

A residência de um morador de Anchieta foi alvo da segunda etapa da "Operação Métis",...

Os detidos, a mãe e o pai da criança, são os possíveis responsáveis pelo crime. Eles foram presos no bairro Ondina, no município onde aconteceu o delito.

O responsável pelo caso, delegado Líbero Penello de Carvalho Filho contou que a princípio, os pais tentaram cometer o crime de aborto.

Continua depois da publicidade

“A mãe da criança ingeriu altas dosagens de um medicamento abortivo para matar a criança. No entanto, o bebê sobreviveu e nasceu com vida e saúde. Inconformados com o insucesso do aborto, eles decidiram matar a criança asfixiada”, explicou.

O delegado informou que após terem a certeza da morte do bebê, os autores resolveram enterrar a criança em uma mata próxima ao local onde eles moravam. As investigações se iniciaram após a denúncia de uma pessoa que encontrou o corpo da criança. “Em depoimento, o casal confessou o crime”, afirmou o delegado.

Os detidos foram encaminhados para o sistema penitenciário e estão à disposição da Justiça.

Publicidade