Cidades

Vila Velha intensifica vacinação contra sarampo neste sábado (17)

COMPARTILHE
21

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) vai realizar no Shopping Vila Velha, Shopping Boulevard, US Terra Vermelha e US Santa Rita, ação de intensificação vacinal contra o sarampo. O foco são moradores de Vila Velha que tenham entre 1 a 49 anos e que estejam com o histórico de vacinação em atraso para a vacina tríplice viral.

Paciente morre após ter pulmão perfurado durante cirurgia em Guaçuí e família será indenizada

A família de um paciente que morreu após sofrer uma perfuração em um de...

Vereadora de Cachoeiro participa da VIII Conferência Nacional de Lideranças Políticas em SP

Nesta sexta-feira (23), será realizada a VIII Conferência Nacional de Lideranças Políticas Femininas, promovida...

Carne suína será inserida no cardápio das escolas de Anchieta

A Secretaria de Educação de Anchieta (Seme) vem investindo na qualidade e na diversificação...

A ação acontecerá neste sábado (17), de 10h às 21h, nos shoppings, e de 8h às 17h, nas unidades de saúde. Outros imunobiológicos do Calendário Nacional de Vacinação também serão disponibilizados durante a ação.

No Shopping Vila Velha a vacinação acontecerá em um espaço na frente do Restaurante Argento e, no Shopping Boulevard, a ação acontecerá no 1º piso.

Continua depois da publicidade

Ao procurar a ação de vacinação, o morador deverá estar portando sua caderneta de vacina.

Intensificação

No mês de agosto, o Programa Municipal de Imunizações/PMI da Semsa realizou ação de atualização da caderneta de vacina em várias escolas e transportadoras do município. Nesta semana, deu início a vacinação no terminal portuário de Vila Velha.

A Vigilância Epidemiológica de Vila Velha recebeu até o momento 21 fichas de notificação compulsória de casos suspeitos de sarampo. Todos os casos foram investigados e monitorados. Do total de casos notificados, 20 foram descartados, nenhum foi confirmado e um está sob investigação.

O caso que ainda permanece em investigação trata-se de uma criança do sexo masculino, de 11 meses de idade e não vacinada contra o sarampo por não possuir idade mínima dentro do protocolo da rotina, para receber a vacina tríplice viral. Todas as medidas de controle e bloqueio vacinal foram adotadas pelo serviço de vigilância epidemiológica.

Publicidade