Cidades

Secretaria de Saúde orienta profissionais da Stone Fair sobre Sarampo

COMPARTILHE
96

Além de intensificar a vacinação contra o sarampo, Cachoeiro realizará duas ações com foco na prevenção e no enfrentamento da doença, na próxima semana.

Escola Família Agrícola de Cachoeiro abre matrículas para 2020

Estão abertas as inscrições para matrículas novas na Escola Família Agrícola de Cachoeiro de...

Rock n’ roll e estreia nas telonas são destaque da agenda cultural do Sul do ES

O final de semana será de MotoFest em Itapemirim. Serão três dias de programação...

Vídeo: parapentista é resgatado de helicóptero após ficar preso em rampa de Ubá em Castelo

Um praticante de parapente precisou ser resgatado de helicóptero na rampa de Ubá, em...

A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) terá um estande na Cachoeiro Stone Fair, a feira internacional do mármore e granito, que será realizada de terça (27) a sábado (30), no Parque de Exposições do município. O objetivo é orientar visitantes quanto aos sintomas do sarampo.

“Um número expressivo de pessoas, de várias partes do Brasil, estará em Cachoeiro para a feira, e, diante do surgimento de casos da doença em outras regiões, julgamos importante nossa participação no evento. Todos os expositores já foram informados pela organização sobre o serviço que prestaremos. Se algum visitante apresentar sintomas, nossa equipe fará uma avaliação prévia no local e, sendo constatada a necessidade de uma avaliação mais detalhada, ele será encaminhado para atendimento na rede de saúde”, explica a secretária municipal de Saúde, Luciara Botelho.

Continua depois da publicidade

“Não temos nenhum caso confirmado em Cachoeiro e estamos adotando todas as medidas possíveis para que assim permaneça”, complementa.

Atualização

A outra ação a ser promovida pela Semus é uma atividade de atualização sobre sarampo para médicos e enfermeiros que atuam na rede municipal de saúde e em hospitais. O objetivo é repassar orientações sobre o fluxograma de atendimento a casos suspeitos e as diretrizes mais recentes do Ministério da Saúde a respeito do tema. Serão realizados encontros segunda (26) e quinta-feira (29), a partir das 19h, no auditório da escola Zilma Coelho Pinto, bairro Ferroviários, para diferentes turmas.

“O ressurgimento do sarampo no país, depois de ter sido considerada uma doença erradicada, demanda um reforço das orientações aos profissionais de saúde”, justifica a secretária.

Vacinação intensificada

Neste sábado (23), o Centro de Saúde Bolívar de Abreu e 28 unidades básicas de saúde na cidade e no interior estarão abertos, das 8h às 14h, para uma ação especial de vacinação, voltada para as pessoas de seis meses a 49 anos de idade ainda não imunizadas. Além disso, de segunda (26) à sexta (30), as unidades com sala de vacina vão estender o horário de atendimento até as 19h.

Sarampo

O sarampo é uma doença respiratória grave, causada por um vírus, que pode ser fatal. A transmissão ocorre quando a pessoa doente tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras pessoas. Os primeiros sinais da doença são: febre acompanhada de tosse, irritação nos olhos, nariz escorrendo ou entupido e mal-estar intenso. Em torno de 3 a 5 dias, podem aparecer outros sinais e sintomas, como manchas vermelhas no rosto e atrás das orelhas que, em seguida, se espalham pelo corpo. A única maneira de evitar o sarampo é pela vacina.

Publicidade