Cidades

Morre aos 65 anos o ex-presidente da Selita, Gilson Moura

COMPARTILHE
Reprodução Facebook
3312

Morreu na tarde de hoje (20), o pecuarista cachoeirense e ex-presidente da Cooperativa de Laticínios Selita, Gilson Moura, de 65 anos.

Produtores e exportadores mundiais de café se reúnem para encontrar solução para crise no setor

CEOs, executivos e líderes globais do setor cafeeiro participam do Fórum da Organização Internacional...

Brasil deseja prorrogação de Acordo da OIC, mas tendência é renovação, diz fonte

A dois anos da necessidade de renovação do Acordo Internacional do Café (AIC), que...

Guaçuí terá mutirão para pagamento de débitos fiscais

Guaçuí vai realizar de 7 a 11 de outubro, de 8 às 18 horas, um...

De acordo com as primeiras informações passadas por amigos de Gilson, ele se sentiu mal e foi levado às pressas para atendimento no Hospital Evangélico de Cachoeiro de Itapemirim. Assim que deu entrada na unidade, Gilson teve um infarto e não resistiu.

O pecuarista era muito conhecido no município e atuou como presidente da Cooperativa Selita de 1995 a 1998.

Continua depois da publicidade

Gilson também foi secretário municipal de Desenvolvimento Econômico do então prefeito de Cachoeiro Roberto Valadão, no ano de 2008.

Amigos e representantes do agro em Cachoeiro e região lamentaram a morte repentina do pecuarista. “É com imenso pesar, com profunda tristeza que informamos o falecimento do nosso amigo e sócio deste Sindicato Rural de Cachoeiro de Itapemirim, Gilson Moura. Nos solidarizamos nesse momento de dor com toda a família”, lamentou o  presidente do sindicato, Wesley Mendes.

“Recebi com muita tristeza a noticia do falecimento do amigo Gilson Moura. Um grande amigo que me incentivou e apoiou para que eu estivesse na vida pública. Com um jeito próprio, Gilson era um visionário, ousado e sonhador quando o tema era sul capixaba, principalmente na atividade leiteira. Sempre presente, nunca foi omisso aos debates. Atuou no Cooperativismo sendo presidente da Cooperativa de Laticínios Selita no período de 1995 a 1998, dando sua contribuição para que os produtores tivessem dias melhores. Meus sinceros sentimentos à família e aos amigos”, publicou o deputado federal Evair de Melo.

Velório

O corpo de Gilson Moura será velado no Cemitério Park, no bairro IBC, em Cachoeiro de Itapemirim, a partir das 7 horas da manhã desta quarta-feira.

O sepultamento será no Cemitério Municipal do bairro Coronel Borges, o horário ainda não foi confirmado.

 

Publicidade