Segurança

Irmãs de 14 e 11 anos denunciam pai por estupro e homem acaba preso no ES 

COMPARTILHE
imagem ilustrativa
4090
Advertisement
Advertisement

Policiais civis da Delegacia de Proteção à Criança e Adolescente (DPCA), cumpriram, nesta quinta-feira (1), em Vila Velha, o mandado de prisão preventiva de G.C.N., de 47 anos, suspeito de cometer estupro de vulnerável em desfavor de sua filha, de 14 anos, e sua enteada, de 11 anos.

Polícias do ES e RJ deflagram operação para desmantelar quadrilha especializada em roubos no Caparaó

Na manhã desta quarta-feira (22), foi realizada operação conjunta com policiais civis da Delegacia...

Polícia Civil deflagra operação para apurar homicídios em Ibatiba e Brejetuba

A 8ª Delegacia Regional de Ibatiba cumpriu mandados de busca e apreensão no município...

Casa é invadida enquanto proprietária viaja para o exterior e prejuízo chega a R$ 12 mil em Cachoeiro; assista o vídeo do roubo

Uma moradora do bairro BNH de Baixo, em Cachoeiro de Itapemirim, foi surpreendida ao...

O titular da DPCA, delegado Diego Aleluia, informou que a filha do suspeito, de 14 anos, esteve no dia 26 de julho no Conselho Tutelar de Vila Velha e denunciou que ela e a meia-irmã estariam sendo abusadas pelo suspeito.

“Os abusos ocorriam dentro do quarto do casal, na residência onde as meninas, junto com o suspeito e sua companheira, mãe de uma delas, moravam, em Vila Velha. Os crimes ocorriam individualmente, entre o detido e uma das meninas, há cerca de um ano”, relatou o delegado.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Segundo o delegado, a menina mais velha descobriu que a mais nova sofria do mesmo abuso durante uma conversa particular. “Acreditamos que o que motivou essa filha a denunciar o pai foi, justamente, saber que o mesmo acontecia com a meia-irmã”, explica.

A companheira do detido, mãe de uma das vítimas, não estava ciente dos crimes, uma vez que ele era praticado quando o suspeito estava sozinho com as meninas em casa.

G.C.N. está sendo indiciado por estupro de vulnerável e foi encaminhado para o Centro de Triagem de Viana (CTV).

 

Advertisement

 

Advertisement
Publicidade