Cidades

Campanha vai coletar pilhas e baterias de celular usadas em Cachoeiro

COMPARTILHE
48

No fim deste mês, a prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim fará uma campanha na praça Jerônimo Monteiro, no centro da cidade, para coletar baterias de celular e pilhas usadas. É o projeto “Pilhando”, que acontecerá nos dias 28, 29 e 30 de agosto, das 8h às 16h.

Eventos esportivos em Cachoeiro alertam para prevenção do câncer de mama e de próstata

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semesp) de Cachoeiro promoverá nesta semana duas...

Marataízes inicia recadastramento biométrico obrigatório nesta quarta-feira (16)

Nesta quarta-feira (16), às 9 horas, começa o recadastramento biométrico obrigatório para eleitores de...

Balada cristã com DJs vai animar jovens em Mimoso do Sul neste sábado (19)

O Cristo Dance 2019 vai oferecer aos jovens de Mimoso do Sul e região,...

O recolhimento vai ser feito, em uma tenda que será montada no local, por equipes das gerências de Educação Ambiental e de Controle de Resíduos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), pasta responsável pela iniciativa.

Promovida por meio do projeto Vem Reciclar, da Semma, a ação contará com apoio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semesp), do Rotary Club de Cachoeiro e da Rochativa.

Continua depois da publicidade

“O objetivo da campanha é, realmente, evidenciar a necessidade e a importância do descarte adequado desses tipos de resíduos, estimulando a população cachoeirense a adotar, no dia a dia, essa atitude sustentável”, resume a secretária municipal de Meio Ambiente, Andressa Colombiano.

Ela aproveita para reforçar que, além de pilhas inutilizadas, a campanha coletará somente baterias de aparelhos de telefone celular. Ao fim da ação, o montante recolhido será destinado a uma empresa especializada em reaproveitamento desses materiais.

Logística reversa

De acordo com o artigo 33 da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) e o Decreto Federal nº Nº 9.177 (de 23 de outubro de 2017), as pilhas e baterias são produtos que devem participar, obrigatoriamente, do sistema de logística reversa. Desta forma, ambos os resíduos perigosos devem retornar ao fabricante, que é o responsável por tratar e descartar as pilhas e baterias de forma ambientalmente correta.

Área de anexos
Publicidade