Espírito Santo

Caminhoneiros do setor de rochas voltam a circular e dão trégua de uma semana

COMPARTILHE
196
Advertisement
Advertisement

A greve dos caminhoneiros do setor de rocha que já dura três dias, teve trégua na noite desta quarta-feira (14), após uma reunião, em Vitória, entre motoristas, representantes dos sindicatos, Ministério Público, Polícia Rodoviária Federal e Governo do Estado.

Auditores Fiscais Federais Agropecuários do ES atuaram rapidamente para conter o risco de consumo de cerveja contaminada

A ação rápida dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários (Affas) do Espírito Santo foi essencial...

Incaper divulga aviso meteorológico para chuva forte até sexta-feira no Espírito Santo

O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) emitiu aviso meteorológico...

Produtos feitos no Espírito Santo terão selo "100% CAPIXABA"

A Câmara Setorial de Alimentos e Bebidas da Findes está trabalhando em conjunto com...

A classe pede a padronização nas fiscalizações do transporte de rochas. Os motoristas estavam em vários pontos de rodovias do Sul do Espírito Santo. Os protestos ocorreram na Rodovia do Frade, que liga Cachoeiro de Itapemirim à BR 101 Sul; na Rodovia Fued Nemer, que liga Castelo a Venda Nova do Imigrante e na Rodovia ES 164, que liga Vargem Alta à BR 262, na altura do distrito de Castelinho.

O acordo é para que os trabalhadores voltem a circular com os caminhões durante os próximos sete dias. Neste tempo, o MP vai analisar as propostas da classe para dar uma resposta definitiva quanto à padronização da fiscalização.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Isso ocorre, por exemplo, nas amarrações de rochas, que podem ter diversos tipos de nós e, dependendo do agente da PRF, pode considerar regular ou irregular o tipo de amarração. Nos três dias de greve, cerca de 300 blocos deixaram de ir para o Porto de Vitória, na Capital.

Advertisement
Publicidade