Espírito Santo

Caminhoneiros do setor de rochas voltam a circular e dão trégua de uma semana

COMPARTILHE
180

A greve dos caminhoneiros do setor de rocha que já dura três dias, teve trégua na noite desta quarta-feira (14), após uma reunião, em Vitória, entre motoristas, representantes dos sindicatos, Ministério Público, Polícia Rodoviária Federal e Governo do Estado.

TRE-ES elege nova mesa diretora para biênio 2020/2021

O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES) elegeu na tarde desta...

Decreto torna obrigatória a instalação de energia solar em novas edificações do Executivo estadual

O governador do Estado, Renato Casagrande, assinou, nesta segunda-feira (14), o decreto que institui...

Selecionados no programa CNH Social ES têm até a próxima segunda (14) para se matricular

Os selecionados no Programa CNH Social 2019 têm até a próxima segunda-feira (14) para...

A classe pede a padronização nas fiscalizações do transporte de rochas. Os motoristas estavam em vários pontos de rodovias do Sul do Espírito Santo. Os protestos ocorreram na Rodovia do Frade, que liga Cachoeiro de Itapemirim à BR 101 Sul; na Rodovia Fued Nemer, que liga Castelo a Venda Nova do Imigrante e na Rodovia ES 164, que liga Vargem Alta à BR 262, na altura do distrito de Castelinho.

O acordo é para que os trabalhadores voltem a circular com os caminhões durante os próximos sete dias. Neste tempo, o MP vai analisar as propostas da classe para dar uma resposta definitiva quanto à padronização da fiscalização.

Continua depois da publicidade

Isso ocorre, por exemplo, nas amarrações de rochas, que podem ter diversos tipos de nós e, dependendo do agente da PRF, pode considerar regular ou irregular o tipo de amarração. Nos três dias de greve, cerca de 300 blocos deixaram de ir para o Porto de Vitória, na Capital.

Publicidade