Variedades

'O vício faz parte dos buracos que a gente tem na alma', declara Fábio Assunção

COMPARTILHE
Reprodução Internet
124

O ator Fábio Assunção tem falado cada vez mais sobre o problema relacionado ao uso de drogas. “Vício não é uma questão de caráter ou de uma escolha. Não é você aceitar uma propina. É impulsão, compulsividade”, declarou o ator em entrevista ao jornal O Globo deste domingo, 18.

Prestes a fazer 60 anos, Bryan Adams volta ao País com álbum cheio de vitalidade

Bryan Guy Adams, 18 anos. É assim que o canadense prefere ser apresentado, com...

'Politician' transita entre 'Malhação' e 'Sintonia'

Os produtores da série "The Politician", da Netflix, escalaram os protagonistas de "Sintonia", outra...

Festival do Rio busca apoio no 'crowdfunding'

Ameaçado pela falta de patrocinadores para realizar sua 21.ª edição, o Festival do Rio...

Ele, que está prestes a completar 30 anos de carreira na televisão brasileira, fala francamente sobre o assunto, mas ainda não consegue compreender o preconceito social em relação aos usuários e ex-usuários de entorpecentes. “Qual a dificuldade de entender que o vício faz parte dos buracos que a gente tem na alma?”, avaliou.

Em novembro do ano passado, durante o Conversa com Bial, da TV Globo, Fábio Assunção já havia mencionado a respeito do estigma de quem foi dependente. “Para mim, esse assunto já foi, estou em outra fase. Mas é um assunto muito recorrente e tem uma coisa do estigma com que tenho que lidar”, disse na ocasião.

Continua depois da publicidade

Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade