COMPARTILHE
185

Dias frios e comidas saborosas parecem que foram feitos uns para o outros. De fato, há uma impressão que a fome aumenta durante os períodos do inverno, não é mesmo? Se você também sente o apetite maior nessas épocas, calma: é normal.

Morre o crítico de cinema Rubens Ewald Filho, aos 74 anos

Morreu nesta quarta-feira, 19, o crítico de cinema Rubens Ewald Filho, aos 74 anos....

'Grande desafio', afirma Carla Diaz sobre interpretar Suzane Von Richthofen

A atriz Carla Diaz, que viverá Suzane Von Richthofen nas telonas, falou que interpretar...

Destino de reality show de Lindsay Lohan é incerto

O reality show de Lindsay Lohan pode não retornar para uma segunda temporada. O...

Apesar de muitos considerarem as estações frias um momento propício para “gula”, o clima mais seco interfere sim na vontade do organismo ingerir outros alimentos. Os efeitos das temperaturas baixas em nosso organismo refletem diretamente no aumento do apetite.

A lógica é a seguinte: o organismo gasta mais energia para nos manter aquecido e, consequentemente, essa energia deve ser reposta. Com isso, o nosso apetite aumenta

Continua depois da publicidade

Vilões calóricos e opções

Se o aumento do apetite é tido como normal, o problema em relação à fome excessiva é que, na maioria das vezes, recorremos a alimentos muito calóricos, que promovem “falsas” sensações de saciedade e bem-estar. Muito cuidado com isso.

Afinal, o que não pode acontecer é o descontrole. Para evitar comer demais, devemos fazer as refeições completas contendo sempre carboidratos, proteína e lipídeos, sem esquecer do principal que vai nos manter saciados por mais tempo: as fibras presentes em frutas, grãos, verduras e legumes.

Além disso, inclua nas refeições o arroz e macarrão integrais, feijão, legumes assados ou em sopas e frutas cozidas. Isso ajuda muito a controlar o apetite no inverno. Confira algumas dicas sobre como manter a alimentação saudável mesmo no frio

Adapte as opções

Se o chocolate quente não pode faltar, substitua o leite integral pelo desnatado, que possui quantidades similares de proteínas, potássio, fósforo e demais nutrientes, principalmente o cálcio. Sua principal vantagem é ter uma quantidade inferior de gordura.

Invista em sopas

Sopa de legumes é sempre uma boa opção, alimenta e esquenta. Mas é bom tomar cuidado para não colocar legumes demais e aumentar a taxa de açúcar no sangue.

Hidrate-se

Mesmo no inverno, devemos beber muita água, pois, justamente por causa do frio, o organismo não costuma manifestar sede como no verão, e isso pode levar à desidratação.

Bebidas quentes

Aproveite o inverno usando mais bebidas quentes e pouco calóricas. Afinal, é um excelente momento para saborear os diferentes tipos de chás e cafés, por exemplo.

Por Anderson Firmino/Estadão
Publicidade