Agronegócio Regional

Variedade de café conilon mais resistente à seca é lançada pelo Incaper em Cachoeiro

COMPARTILHE
Fotos: Hélio Filho/Secom
203

Foi lançada nesta quarta-feira (26) a nova cultivar melhorada de café conilon propagada por semente: a ‘Conquista ES8152’. A variedade foi desenvolvida pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) e atende aos anseios dos cafeicultores capixabas de base familiar, que buscam por plantas mais resistentes à seca, mais produtivas e de qualidade.

Jovens transformam a vida de comunidade em Alegre e evitam o êxodo rural

A comunidade de Feliz Lembrança, na zona rural de Alegre, virou exemplo de sucesso...

Venda Nova do Imigrante vai sediar a maior feira do Agroturismo do Brasil

O município de Venda Nova do Imigrante sediará a 15ª edição da Feira Nacional...

Presidente da Coocafé avalia resultados de 40 anos da cooperativa e fala sobre o futuro do setor cafeeiro

Por Elias Carvalho A Cooperativa dos Cafeicultores da Região de Lajinha (Coocafé) realizou no último...

Cerca de 600 pessoas participaram do lançamento, realizado na Fazenda Experimental do Incaper de Bananal do Norte, no distrito de Pacotuba, em Cachoeiro de Itapemirim. O governador do Estado, Renato Casagrande, destacou o trabalho de pesquisa do Instituto, que resultou em uma variedade com alta produtividade. A Conquista ES8152 produz, em média, 74 sacas por hectare. Para ele, o lançamento é importante para todo o Estado e, em especial, para a região sul.

“Encomendei à Secretaria de Agricultura um plano de recuperação e revitalização da cafeicultura do sul do Estado, pois a média nessa região é menor do que no restante do Espírito Santo. Precisamos avançar na atividade do café e essa variedade é importante, assim como é a fundamental a incorporação de novas tecnologias e a revitalização do Incaper. Por isso, estamos dando mais recursos para o custeio do Instituto. Autorizamos a liberação de R$ 1,5 milhão para a recuperação dos escritórios e a compra de equipamentos”, afirmou.

Continua depois da publicidade

Casagrande destacou ainda outras ações do Governo do Estado para o desenvolvimento da região, como obras de infraestrutura viária: “Estamos contratando a manutenção de estradas após ficarmos quatro anos sem esse tipo de intervenção. Algumas estradas nem manutenção aceitam mais, como a estrada de Mundo Novo. Vamos terminar todas as obras iniciadas em nosso Governo e concluí-las”, garantiu.

O governador citou obras estruturantes na região sul, como a Rodovia ES-297 que liga a BR-101 ao município de Bom Jesus do Norte, considerada fundamental para o desenvolvimento local. Casagrande também mencionou as obras na estrada que liga São José do Calçado a Alto Calçado e anunciou que as obras da rodovia que liga Castelo a Muniz Freire serão iniciadas ainda no mês de julho.

Rumo ao futuro

O secretário de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca, Paulo Foletto, destacou a importância da nova cultivar: “Hoje é um dia importante para nossa cafeicultura. Literalmente, uma grande conquista para o Estado. A nova cultivar ‘Conquista ES8152’ é o trabalho de anos de pesquisa e empenho do Incaper. E estamos dando um grande passo para futuro hoje. A nova variedade tem menor custo de aplicação, é mais resistente, e é capixaba”.

Para o diretor-presidente do Incaper, Antonio Carlos Machado, o lançamento de uma nova cultivar de café conilon propagada por semente é mais um marco para agricultura do Espírito Santo. “Estamos em busca, junto ao Governo do Estado, da reestruturação do Incaper para que possamos investir cada vez mais em tecnologias gerando resultados positivos para os produtores rurais. Ao longo dos anos já foram lançadas mais de dez variedades, isso mostra a importância que o Instituto tem não só para o Espírito Santo, mas para o Brasil e o mundo”, reforçou.

Segundo o pesquisador do Incaper Romário Gava Ferrão, coordenador do trabalho de melhoramento genético, a nova variedade é praticamente um resumo de quase tudo o que foi feito na cafeicultura capixaba durante os 33 anos de pesquisa.

“Essa semente agrega produtividade, ampla base genética, se adapta aos ambientes quentes do Estado podendo suportar as altas temperaturas e a insolação. Além disso, ela é mais tolerante à seca, e apresenta moderada resistência à ferrugem, que é a principal doença do café. Demos mais um grande passo para que o Incaper continue sendo referência mundial em pesquisa, assistência técnica e extensão rural”, disse.

Durante o lançamento, os pesquisadores do Incaper Paulo Volpi e Abraão Carlos Verdin Filho ministraram palestras técnicas a respeito das características da cultivar ‘Conquista ES8152’. “Passamos por uma estiagem severa no Espírito Santo e essa variedade dá condições para o produtor familiar ter uma produção estável. Outro ponto importante é o grupo de materiais genéticos reunidos ali. Eles mantêm a sustentabilidade na cafeicultura capixaba. No momento em que buscamos altas produtividades, a ‘Conquista ES8152’ vem para atender às necessidades dos produtores com dificuldades de acessar recursos”, explicou Verdin.

Israel Rodrigues é viveirista no distrito de Capim Angola, município de Rio Novo do Sul, há 16 anos e ressalta a importância da variedade. “Para a nossa região, que sofre com o clima quente, essa variedade é fundamental para nos dar condições de produzir cafés com qualidade ao longo do ano”, pontuou.

Ele e outros viveiristas receberam sementes da nova cultivar, para produzir as mudas e disponibilizá-las aos cafeicultores capixabas interessados na tecnologia. Na ocasião, também foram distribuídas sementes a 600 produtores presentes no evento.

“Nós sabemos o valor que o café produzido no Espírito Santo tem. A gente exporta, tem qualidade, e merece estar lado a lado com os melhores cafés do mundo. Vamos trabalhar para valorizar e dar suporte para a agricultura, principalmente para a agricultura familiar”, acrescentou o secretário Paulo Foletto.

Folder

O Incaper elaborou um folder com as informações técnicas a respeito da nova cultivar do café conilon. A publicação está disponível gratuitamente na Biblioteca Rui Tendinha, que fica localizada em Bento Ferreira, Vitória.

Publicidade