Economia

XP Asset: Copom indica que espaço para corte de juros é maior que o esperado

COMPARTILHE
8

O Comitê de Política Monetária (Copom) sinalizou nesta quarta-feira, 19, em seu comunicado, que há espaço maior do que o antecipado anteriormente para queda de juros, afirma Isabela Guarino, economista-chefe da XP Asset Management. O Copom deixa claro, contudo, que isso não ocorrerá antes de uma evolução mais concreta da reforma da Previdência: “Eu leio isso como aprovação em plenário na Câmara pelo menos em primeiro turno”, disse.

Trump concorda com decisões sobre licenciamento para Huawei "no momento adequado"

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, concordou nesta segunda-feira em conceder decisões de...

Porta-voz diz que a princípio anúncio sobre FGTS está mantido para quarta

O porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, afirmou nesta segunda-feira, 22,...

Em nova proposta, governo agora quer limitar saques do FGTS a R$ 500 em 2019

O governo estuda agora limitar os saques das contas do Fundo de Garantia do...

Para a economista, o tom do discurso foi “dove” no sentido de que há uma melhora no balanço de riscos para a inflação. O Copom aponta que a atividade fraca – o comitê avalia que houve “interrupção do processo de recuperação” da economia – pode influenciar a inflação para baixo. Além disso, avalia que a situação externa melhorou e indica projeções abaixo do esperado (segundo boletim Focus) para este e o próximo ano.

Ela destaca que o Copom optou por retirar o termo “simétrico” do balanço de riscos. Isso porque a conjunção dos fatores acima indicaria que o balanço de riscos para a inflação não está mais equilibrado entre os fatores de queda e alta dos juros.

Continua depois da publicidade

Bárbara Nascimento
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade