Cidades

Secretário preso na Operação Ouro Velho recebe liberdade provisória

COMPARTILHE
1574

O Juíz Bruno Fritoli Almeida, da Comarca de Guaçuí, concedeu o alvará de soltura para o secretário municipal de Educação, Vanderson pires Vieira, preso preventivamente durante a Operação Ouro Velho, que apura fraudes em repartições da Prefeitura de Guaçuí.

Paciente morre após ter pulmão perfurado durante cirurgia em Guaçuí e família será indenizada

A família de um paciente que morreu após sofrer uma perfuração em um de...

Vereadora de Cachoeiro participa da VIII Conferência Nacional de Lideranças Políticas em SP

Nesta sexta-feira (23), será realizada a VIII Conferência Nacional de Lideranças Políticas Femininas, promovida...

Carne suína será inserida no cardápio das escolas de Anchieta

A Secretaria de Educação de Anchieta (Seme) vem investindo na qualidade e na diversificação...

O magistrado concedeu ao secretário na última sexta-feira (17), a liberdade provisória mediante o cumprimento de algumas condicionantes, entre elas, o afastamento cautelar do cargo de secretário.

Ainda de acordo com o Executivo, ainda não foram nomeados novos secretários para as pastas de Educação, Agricultura e Saúde, que tiveram os titulares detidos por suspeita de participação em um esquema de desvio de dinheiro e fraudes no setor de licitação da prefeitura.

Continua depois da publicidade

A operação receber o nome de Ouro Velho por que um dos investigados trabalha há mais de 20 anos na prefeitura.

Publicidade