Economia

México amplia cota livre de taxação para importar frango brasileiro

COMPARTILHE
42

/com informações Agência Brasil

Câmara rejeita MP que destina R$ 3,5 bi à Eletrobras

Depois de mais de quatro horas de deliberação, o plenário da Câmara rejeitou a...

Caixa: recálculo da prestação de contratos imobiliários pelo IPCA será mensal

O vice-presidente da Habitação da Caixa Econômica Federal, Jair Mahl, esclareceu que o...

MRV: Nova modalidade de crédito imobiliário da Caixa beneficia diversificação

Em comunicado ao mercado, a MRV afirma que a nova modalidade de crédito apresentada...

 

O governo mexicano ampliou em 55 mil toneladas a cota livre de tarifa para importação de frango de exportadores brasileiros. A informação foi divulgada em nota conjunta hoje (24) dos ministérios das Relações Exteriores e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Continua depois da publicidade

Em 2018, o Brasil exportou 110 mil toneladas de frango para o México. Os exportadores daqui se beneficiavam da cota, criada em 2013, contudo, o volume de carne de ave vendida aos compradores daquele país atingiu o limite do benefício em fevereiro deste ano.

Por isso, o Itamaraty e o Ministério da Agricultura destacaram no comunicado que “a medida garantirá a continuidade das exportações brasileiras de frango para o México”. Os ministérios classificaram o país da América Central como “destino prioritário” deste mercado, uma vez que o frango é o terceiro item da pauta de exportação para esse parceiro comercial.

Publicidade