Cidades

Dentistas da prefeitura levam ações de prevenção em saúde bucal a escolas

COMPARTILHE
145

Por meio de sua equipe de dentistas, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) vem realizando, com alunos de Cachoeiro de Itapemirim, ações educativas de prevenção em saúde bucal.

Paciente morre após ter pulmão perfurado durante cirurgia em Guaçuí e família será indenizada

A família de um paciente que morreu após sofrer uma perfuração em um de...

Vereadora de Cachoeiro participa da VIII Conferência Nacional de Lideranças Políticas em SP

Nesta sexta-feira (23), será realizada a VIII Conferência Nacional de Lideranças Políticas Femininas, promovida...

Carne suína será inserida no cardápio das escolas de Anchieta

A Secretaria de Educação de Anchieta (Seme) vem investindo na qualidade e na diversificação...

O trabalho é permanente e alcança escolas da rede pública municipal e, também, unidades de ensino estaduais. As atividades incluem palestras para os estudantes, orientação aos pais e responsáveis e, ainda, escovação supervisionada e aplicação de flúor nos alunos.

O objetivo deste programa, de acordo com a secretária de Saúde de Cachoeiro, Luciara Botelho, é promover a saúde de forma ampla, atingindo vários atores sociais, e trabalhar a autonomia e a modificação de hábitos essenciais para alterações no fenômeno saúde-doença.

Continua depois da publicidade

Segundo ela, essas ações fazem parte do Programa Saúde na Escola (PSE), do Ministério da Saúde, estratégia à qual a prefeitura adere pelo segundo ano. Ao todo, explica Luciara, são pactuadas 60 escolas, o que equivale a 19.607 alunos atendidos.

“A promoção de saúde requer um trabalho com abordagens preventivas, educacionais, curativas e de controle da saúde pelo próprio indivíduo, sendo a motivação e a transformação social por meio da conscientização as únicas propostas viáveis para a diminuição das doenças bucais”, frisa.

Por meio do PSE, que visa à integração e articulação permanente da educação e da saúde, são abordados diversos outros temas, como ações de combate ao mosquito Aedes aegypti; prevenção ao uso de álcool, tabaco, crack e outras drogas; promoção da cultura de paz, cidadania e direitos humanos; verificação da situação vacinal; promoção da segurança alimentar e nutricional e da alimentação saudável e prevenção da obesidade infantil.

Publicidade