Esporte Nacional

Scheidt fatura o título do Europeu da classe Star na Itália

COMPARTILHE
16

O brasileiro Robert Scheidt, acompanhado pelo proeiro Henry Boening, o Maguila, conquistou, neste domingo, em Riva Del Garda, na Itália, o título do Campeonato Europeu da classe Star ao vencer a regata decisiva. A competição faz parte da preparação bicampeão olímpico para obter sua vaga nos Jogos de Tóquio-2020.

Operário-PR vence e deixa o Guarani na lanterna da Série B

Nada é tão ruim que não possa piorar. Na noite desta terça-feira, no estádio...

PSG frustra tentativa do Barcelona e rejeita liberar Neymar por empréstimo

O Barcelona insiste, o Real Madrid sonda e a Juventus tenta seduzir o Paris...

João Menezes vence na estreia e Rogerinho cai no quali do US Open

No embalo da medalha de ouro conquistada no Pan de Lima, João Menezes venceu...

Na medal race, que reuniu as quatro melhores embarcações, Scheidt e Maguila ficaram em terceiro lugar por boa parte da prova até assumir, na terceira perna, o segundo lugar e atropelar os franceses Xavier Rohart e Pierre-Alexis Ponsot, que vinham dominando a disputa, bem próximos à linha de chegada.

“Eu estava tão cansado que não tinha acreditado que tínhamos vencido. Só entendi quando o Maguila gritou para mim. Grande regata, com muita técnica e diversas situações interessantes para quem assistiu. Nós tivemos uma oportunidade de assumir a liderança e aproveitamos. Foi incrível e especial, por eu ter as crianças me assistindo aqui”, afirmou Scheidt, após a prova, referindo-se à presença dos filhos Erik e Lukas e da esposa Gintare Scheidt, que também é velejadora e esteve nos Jogos de Londres-2012.

Continua depois da publicidade

Com o triunfo, Scheidt chegou ao 181º título da carreira – 89 internacionais e 92 nacionais. Após a disputa no Lago Di Garda, o velejador vai até o Japão, onde a partir de 3 de julho participa do Mundial na Classe Laser, uma das seletivas para a definição da equipe brasileira que vai a Tóquio-2020.

Já o paulista Arthur Lopes, em dupla com o norte-americano Paul Cayard, ficou com a medalha de bronze do Europeu da classe Star. Lopes, que levou a Volvo Ocean Race em 1998 e foi campeão mundial de Star em 1988, completou 60 anos neste domingo.

Lars Grael, por sua vez, competindo junto com o com o proeiro Pedro Trouche, ficou apenas em 13º lugar no Europeu. Essa foi a despedida do brasileiro duas vezes medalhista de bronze olímpico (Seul-1988 e Atlanta-1996), que não competirá mais em regatas internacionais, mas ainda deve participar de competições brasileiras com o parceiro Samuel Gonçalves, que não esteve na Itália por conta do nascimento da filha.

Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade