Variedades

Milla Jovovich revela ter sofrido aborto: 'não posso ficar em silêncio'

COMPARTILHE
12

A atriz Milla Jovovich, conhecida por seu trabalho na série de filmes Resident Evil, relatou ter sofrido um aborto há cerca de dois anos e fez um desabafo em seu Instagram após o tema ser alvo de debates nos Estados Unidos por conta de mudanças em leis em Estados como a Geórgia e o Alabama.

'Família todo mundo tem, então todos me entenderão', diz Bong Joon Ho

Queridinho de Cannes, que revelou seu talento para o mundo em 2006, na Quinzena...

'Bacurau abriu conversa internacional sobre Brasil', diz Kléber Mendonça Filho

Ao gritar "Um beijo para todo mundo no Recife" no Palais des Festivals de...

Maquiador que já trabalhou com Rihanna e outras celebridades dará aula no Brasil

Patrick Ta tem clientes renomadas como Rihanna, Blake Lively, as irmãs Kardashian, Katy Perry,...

“Eu nunca quis falar sobre essa experiência. Mas eu não posso permanecer em silêncio quando tanto está sob risco. … Nossos direitos como mulheres de obter abortos seguros por médicos experientes estão novamente sob risco. … Incluindo em casos de estupro ou incesto”, afirmou a atriz em seu Instagram na terça-feira, 14.

Em seguida, relatou sua própria experiência: “Eu mesma passei por um aborto de emergência dois anos atrás. Eu estava grávida há quatro meses e meio, e gravando em um local na Europa Oriental. Entrei em trabalho de parto prematuramente e me disseram que teria que ficar acordada durante todo o procedimento.”

Continua depois da publicidade

“Foi uma das experiências mais horríveis que já passei. Eu ainda tenho pesadelos com ela. Eu estava sozinha e sem ajuda. Quando eu penso no fato que mulheres devem enfrentar abortos em condições ainda piores que eu por causa das novas leis, meu estômago revira”, complementou.

Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade