Espírito Santo

Espírito Santo recebe III Encontro de Jongos e Caxambus

COMPARTILHE
190

Dança coletiva, magia e tambores são elementos do Jongo, expressão afro-brasileira praticada nos quintais das periferias urbanas e em algumas comunidades rurais no Sudeste brasileiro. No âmbito das ações de Salvaguarda dessa manifestação cultural registrada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 2005, acontece no município de Alegre, no Espírito Santo, o III Encontro Estadual de Jongos e Caxambus, entre os dias 12 e 14 de abril.

Concurso para delegado da PC no ES tem inscrições prorrogadas

Os candidatos que desejam concorrer ao cargo de delegado de polícia da Polícia Civil...

Associação dos Diários do Interior do ES elege nova diretoria

A Associação dos Diários do Interior do Espírito Santo (ADI-ES) elegeu, na manhã de...

Jovens Valores: inscrições para bolsas de estágio no ES começam nesta terça (23)

Começam nesta terça-feira (23) as inscrições para a nova edição de estágio do Programa...

Na ocasião, as atividades de mobilização e articulação entre os grupos, realizada de forma representativa durante as Reuniões de Articulação estaduais, alcançarão todos os integrantes dos grupos, potencializando o seu envolvimento nas ações de salvaguarda que vêm sendo gestadas e geridas por um coletivo estadual. A programação conta com homenagens aos Mestres e Mestras dos grupos, mesa de abertura com presença de autoridades, a análise conjuntural do Jogo/Caxambu como Patrimônio Cultural Nacional, Vivências Compartilhadas (tranças e turbantes, fabricação de instrumentos, toque de tambores e dança), exposição e venda de produtos artesanais produzidos pelos jongueiros/caxambuzeiros e apresentação de rodas de jongo/caxambu na Praça 6 de Janeiro, no Centro de Alegre.

A fruição do bem e seu compartilhamento coletivo são elementos importantes propiciados pelo Encontro, por meio do qual haverá a divulgação dessa manifestação cultural para a sociedade em geral, bem como para os alunos das instituições de ensino envolvidas na organização. É prevista a participação de 23 grupos completos de Jongo e Caxambu do Estado e, ainda, a representação dos grupos de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. É esperado um publico de quinhentas pessoas, entre jongueiros e caxambuzeiros, organizadores, convidados, comunidades estudantis e público alegrense.

Continua depois da publicidade

O III Encontro Estadual de Jongos e Caxambus do Espírito Santo é uma realização da Superintendência do Iphan-ES, a partir de recursos de Emenda Parlamentar captados em 2018. É uma parceria com a Secretaria Estadual de Cultura, o Instituto Federal do Espírito Santo (IFES ES), a Secretaria de Turismo, Cultura e Esportes do Município de Alegre, Universidade Federal do Espírito Santo – Campus Alegre, a Associação Cultural do Horizonte (Grupo de Caxambu do Horizonte Alegre) e lideranças Jongueiras.

Sobre o Jongo

O Jongo no Sudeste é uma forma de expressão afro-brasileira que integra percussão de tambores, dança coletiva e práticas de magia. É praticado nos quintais das periferias urbanas e em algumas comunidades rurais do Sudeste brasileiro. Foi inscrito no Livro das Formas de Expressão em 2005. Nessa região, é praticado nos estados do Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. Ao longo do processo de registro as comunidades que manifestaram o desejo de participar da discussão foram Jongo de Campos, Tambor da Fazenda Machadinha em Quissamã e Jongo de Porciúncula (RJ), Jongo de São José dos Campos (SP), Jongo de Carangola (MG) e de Presidente Kennedy (ES).

Publicidade