Política Nacional

Bolsonaro autoriza estudo para privatização dos Correios

COMPARTILHE
Internauta Aqui Notícias
33

O presidente Jair Bolsonaro autorizou a realização de estudos para a privatização dos Correios. A informação foi confirmada em publicação no Twitter. Bolsonaro lembrou ainda os casos e as suspeitas de irregularidades que envolveram a estatal.

Bolsonaro vai rebater crítica ambiental

Apesar da promessa de um discurso "conciliatório", o presidente Jair Bolsonaro deve aproveitar sua...

Sem articulação, oposição investe em ações no STF contra Bolsonaro

Sem articulação ou votos suficientes no Congresso, partidos de oposição ao presidente Jair Bolsonaro...

Promessa de 'afagos' teria convencido Bolsonaro a aceitar jantar com Trump

A promessa de gestos de deferência feita por Donald Trump teria convencido o presidente...

“Demos OK para estudo da privatização dos Correios. Temos que rememorar para a população o seu fundo de pensão. A empresa foi o início do foco de corrupção com o mensalão, deflagrando o governo mais corrupto da história. Com o Foro de SP destruíram tudo nome da Pátria Bolivariana”, escreveu o presidente.

Continua depois da publicidade

Durante a campanha eleitoral, Bolsonaro já sinalizava que a empresa poderia ser privatizada devido aos prejuízos.

Com 356 anos de existência, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos é subordinada hoje ao Ministério das Comunicações, Ciência, Tecnologia e Inovação. Após prejuízos registrados entre 2103 e 2016, a estatal registrou lucro de R$ 161 milhões em 2018 e de R$ 667,3 milhões em 2017.

A recuperação financeira ocorreu após lançamento de ações da empresa como renegociação de dívidas, revisão de contratos, redução de custos com pessoal, mudanças na rede de atendimento e cobrança de novas taxas.

Fonte: Agência Brasil

Publicidade