Internacional

Buscar verdade sobre eleição não precisa gerar impeachment de Trump, diz Pelosi

COMPARTILHE
16

Presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi defendeu nesta segunda-feira que se deve caminhar para “buscar a verdade” após a divulgação do relatório do procurador Robert Mueller sobre a suposta interferência da Rússia na última eleição presidencial dos Estados Unidos, vencida por Donald Trump. Mas Pelosi disse que essa busca pela verdade e para que o presidente seja responsabilizado por eventuais problemas não necessariamente precisa incluir um processo de impeachment.

Em artigo, Theresa May diz que levará ao Parlamento 'oferta ousada' para o Brexit

A primeira-ministra britânica, Theresa May, planeja fazer uma "oferta ousada" ao Parlamento para obter...

Bomba atinge ônibus de turismo no Egito e fere pelo menos 16 pessoas

Uma bomba atingiu um ônibus turístico perto das Pirâmides de Gizé, nos arredores de...

Primeiro-ministro húngaro vira modelo contra globalismo

O cerco de Viktor Orbán à Universidade Centro-Europeia (CEU) não foi um caso isolado....

A autoridade do Partido Democrata comentou o tema após no fim de semana a senadora Elizabeth Warren defender que Trump sofra um processo de impeachment. Em suas declarações, Pelosi sugere que não defende esse caminho.

“Conforme avançamos para descobrir a verdade e apresentar reformas adicionais necessárias para proteger nossa democracia, precisamos mostrar ao povo americano que estamos agindo livres de paixão ou preconceito, estritamente na apresentação do fato”, argumentou a presidente da Câmara. Pelosi ainda pediu que todo o relatório de Mueller seja tornado público, sem a censura de partes consideradas sensíveis do documento, e disse que foi feito um pedido formal nesse sentido.

Continua depois da publicidade

Gabriel Bueno da Costa
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade