Política Nacional

Em live com Eduardo Bolsonaro, vice-premiê da Itália pede votos

COMPARTILHE
21

O vice-primeiro-ministro da Itália e um dos líderes do partido eurocético Liga, Matteo Salvini, pediu nesta sexta-feira (19) votos para a sigla na eleição do Parlamento Europeu. O pedido foi feito ao lado do filho do meio do presidente Jair Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro, e foi transmitido pelas redes sociais do deputado federal. Os dois se encontraram em Milão.

Presidentes de TJs dão apoio à medida do STF sobre dados bancários e fiscais

Presidentes dos Tribunais de Justiça dos Estados assinaram nesta sexta-feira, 19, uma carta em...

Funai diz que tenta, há anos, se livrar de aeronaves sucateadas

A Fundação Nacional do Índio (Funai) afirma que tenta, há anos, se livrar de...

Juíza autoriza operador de propinas a prestar 'serviços médicos' na cadeia

A juíza Carolina Vieira Figueiredo, da 7.ª Vara Federal Criminal, autorizou que o operador...

As eleições europeias ocorrem em 26 de maio. A Itália tem direito a 76 assentos no Parlamento Europeu. Analistas do continente projetam um avanço dos eurocéticos, como a Liga.

“Nós queremos uma Europa forte, que dialogue com o Brasil, com os Estados Unidos, com Israel, e que a esquerda se distancie do poder”, afirmou Salvini.

Continua depois da publicidade

No início do vídeo, o filho do presidente ressaltou que houve na Itália uma “mudança do socialismo para uma economia de mercado, mais liberal, e para os valores conservadores”. Ele comparou ainda esta onda às eleições de Jair Bolsonaro, de Donald Trump nos Estados Unidos, de Benjamim Netanyahu em Israel e de Viktor Orbán na Hungria.

Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade