Política Nacional

Governo concede passaporte diplomático a Edir Macedo e esposa

COMPARTILHE
33

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, concedeu passaporte diplomático ao proprietário da Rede Record e líder da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), Edir Macedo Bezerra, e à esposa dele, Ester Eunice Rangel Bezerra. O documento terá validade de 3 anos.

Procuradores reagem à decisão de Toffoli

Procuradores da República e integrantes da Lava Jato criticaram nesta terça-feira, 16, a decisão...

Decisão de Toffoli 'cumpre a lei', diz advogado de Flávio Bolsonaro

Advogado do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), o criminalista Frederick Wassef disse nesta terça-feira, 16,...

Autuação da Receita em posto de Americana deu origem à decisão de Toffoli

A decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, que suspendeu...

A decisão consta de portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU). De acordo com a publicação, o chanceler liberou o documento especial a Edir Macedo e sua esposa “por entender que, ao portar passaporte diplomático, seu titular poderá desempenhar de maneira mais eficiente suas atividades em prol das comunidades brasileiras no exterior”.

Luci Ribeiro
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Continua depois da publicidade