Economia

Bolsonaro: com Nova Previdência, aposentado poderá receber até os últimos dias

COMPARTILHE
2373
Advertisement
Advertisement

O presidente Jair Bolsonaro defendeu nesta quinta-feira (11), em transmissão ao vivo pelo Facebook, a aprovação da reforma da Previdência, que começou a tramitar na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara. Bolsonaro afirmou que somente com a Nova Previdência o aposentado poderá ter a certeza de que receberá a aposentadoria até os últimos dias da vida. Ele afirmou também que quem ainda não se aposentou e está no mercado de trabalho terá, com a reforma da Previdência, a certeza de que receberá no banco os proventos quando parar de trabalhar.

Opep: corte de produção deve seguir ao menos até julho

Os membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo e seus aliados (Opep+) discutem...

Para analistas, melhora do mercado no País é 'disfuncional'

Apesar de o Brasil ser motivo de preocupação quanto ao avanço de novos casos...

Participação do Brasil na carteira de investidores estrangeiros cai a 0,3%

O Brasil perdeu peso importante nas carteiras de investidores estrangeiros em meio ao aumento...

Bolsonaro fez a transmissão ao lado do líder do governo na Câmara, Major Vítor Hugo (PSL-GO), que elogiou o trabalho do relator da reforma previdenciária na CCJ, Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG). Major Vítor Hugo disse que espera a votação e aprovação do relatório da reforma previdenciária na CCJ até terça, 16, ou quarta-feira, 17.

Ele repetiu a intenção do governo de aprovar a Previdência no Congresso até o início do segundo semestre, para que “reflexos ocorram ainda este ano”. Após a votação em plenário, o líder do governo na Câmara disse esperar que o Congresso passe para outras pautas, como a reforma tributária e as privatizações.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Daniel Weterman e Daniel Galvão
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.