Cachoeiro de Itapemirim

Para despontar novos talentos, espaços culturais oferecem oficinas gratuitas

COMPARTILHE
96

Com a finalidade de despontar novos talentos nos segmentos culturais, um projeto selecionado no edital de ocupação cultural da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Semcult) disponibiliza para os cachoeirenses aulas gratuitas de dança, teatro e capoeira nos espaços culturais da cidade.

Última semana para indicação de candidatos a Cachoeirense Ausente

O prazo para indicação de candidatos ao título de Cachoeirense Ausente Nº 1 de...

Distrito de São Vicente recebe melhorias para projeto de Turismo Rural

Explorar as riquezas naturais dos distritos e comunidades de Cachoeiro e desenvolver um projeto...

Moradores do Coronel Borges aprovam mudanças no trânsito do bairro

Foram concluídas pela prefeitura, na semana passada, as novas alterações no trânsito do Coronel...

O projeto é ministrado pelos membros da Associação Teatral de Cachoeiro (Asteca) e aqueles que se interessarem devem preencher a ficha de inscrição, que pode ser solicitada pelo e-mail [email protected] ou na própria Associação, localizada na rua Dr. José Paes Barreto, Centro, (em frente ao antigo Club Ita).

As aulas acontecem nas segundas e quartas, para os adultos, nas terças, para o público infantil, e nas quintas-feiras, para adolescentes. Já as aulas de teatro acontecem nas quartas e estão voltadas para faixa etária de 10 a 17 anos. Para oferecer as aulas, a Asteca conta com o apoio financeiro do município, o que garante a gratuidade das atividades para a população.

Continua depois da publicidade

“O objetivo principal da nossa Associação é difundir as artes, aqui, na nossa região. E com o apoio e parceria da Prefeitura, nós conseguiremos abranger o público, possibilitando a eles contato e experiência com a arte; e o melhor é oferecer isso de graça”, enfatiza Talita Miranda Ribeiro, coordenadora do projeto.

As atividades tem duração de dez meses e, para o final das atividades, a ideia dos organizadores é promover um espetáculo de teatro e dança.

Outras atividades artísticas

A Casa de Cultura Roberto Carlos e o Centro Cultural Mestre Salatiel, de igual modo, recebem atividades de propostas aprovadas no edital de ocupação de espaços culturais.

Na casa onde morou o “Rei”, localizada no bairro Recanto, são ofertadas oficinas de alfabetização musical, organizadas e desenvolvidas pelo Programa de Promoção e Assistência Social – Casa Verde. Já o Centro Cultural Mestre Salatiel, que também fica no Recanto, aulas de capoeira e outras expressões de cultura popular são oferecidas pela Associação Cultural Mocambos Capoeira.

Publicidade