Segurança

Namoradas são condenadas por matar lavrador em Mimoso do Sul

COMPARTILHE
Foto: Beto Barbosa
5282

Duas mulheres acusadas de matar o lavrador Orlando Pereira Santos, 46 anos, brutalmente assassinado na localidade de Cachoeira das Garças, no distrito de Ponte do Itabapoana, em Mimoso do Sul, foram condenadas na tarde desta quarta-feira (13).

Carro derrapa na pista, atinge moto e mata vendedor em Alegre 

Na noite dessa segunda-feira (18), a lama espalhada em um trecho da ES 387...

Motociclista morre após colidir com caminhão na zona rural de Ibatiba

Um motociclista de 36 anos, identificado como Alexander Santos da Cruz, morreu após colidir...

Corpo em decomposição é encontrado em Cachoeiro; morte intriga a família

A morte de Jobel Abreu Campo, 54 anos, ainda intriga a família e a...

O crime, ocorrido em março de 2017, chocou os moradores da comunidade, e foi motivado, segunda a justiça, por futilidade.

Marinete Timer, 56 anos, e Eliane Ivo Correia da Silva, 35 anos, planejaram o crime após um adolescente, filho de Marinete, de 16 anos, na época, se sentir ofendido por ter sido xingado pelo ex da mãe, a vítima. Ele pediu ajuda ao casal para se vingar, e foi atendido.

Continua depois da publicidade

O corpo de Orlando foi encontrado dias após um crime, já em estado de decomposição em uma mata. Na casa do lavrador, havia sangue da vítima. A polícia acredita que o homem tenha sido morto em casa e jogado no local após o crime.

Marinete e Eliane receberam pena de 20 e 22 de prisão.

As mulheres, após presas, foram encaminhadas para o Centro de Detenção Provisória (CDP) Feminino e devem ser encaminhadas à uma penitenciária fermina a partir de desta quinta (14). O adolescente foi conduzido ao Instituto de Atendimento Sócio Educativo (Iases).

Publicidade