Política Regional

Em dois anos, presidente da Câmara de Marataízes recebeu R$ 35 mil com diárias

COMPARTILHE
1744

O presidente da Câmara de Marataízes, William de Souza Duarte (MDB), sozinho recebeu nos últimos dois anos quase R$ 35 mil em diárias. O valor é semelhante a todas as despesas com diárias gastas em 2017 e 2018 pelo Legislativo de Cachoeiro, que possui 19 vereadores e 188 funcionários efetivos e comissionados.

Câmara de Iúna aprova representação que pode resultar na destituição do presidente João Elias

O clima na política de Iúna não é dos melhores. Mesmo com a aprovação...

Oito câmaras municipais do Sul do Estado estão entre as menos transparentes do ES

Oito câmaras municipais das Regiões Sul e Caparaó aparecem como as que menos possuem...

Ângelo assume como presidente interino e suspende contratos na Câmara de Guaçuí

O vereador Ângelo Moreira (PSDB) assumiu, de forma interina, a presidência da Câmara de...

Levantamento feito pelo AQUINOTICIAS.COM, com base no portal da transparência da Câmara de Marataízes, mostra que Willian Duarte fez 40 viagens para destinos não esclarecidos pelo site oficial que resultou em despesa de R$ 34,8 mil entre 1º de janeiro de 2017 a 22 de fevereiro deste ano.

Em um único mês, o parlamentar chegou a receber R$ 8,8 mil de diária, valor superior ao seu subsídio de vereador que é de R$ 5.687,66 bruto. Com descontos, o presidente da Casa recebe salário de R$ 3.309,94. Em junho de 2017, as diárias somadas ao salário de Duarte renderam ao vereador R$ 14.360,87, valor superior ao salário líquido do prefeito Robertino Batista que é de R$ 9.489,62.

Despesas com diárias

Continua depois da publicidade

Num comparativo de despesas com diárias, os 19 vereadores e 188 funcionários da Câmara de Cachoeiro de Itapemirim, cidade com aproximadamente 210 mil habitantes, gastaram, juntos de 1º de janeiro de 2017 e 11 de março deste ano R$ 34.785,87. O valor é R$ 14,13 menor do que sozinho gastou o presidente do Legislativo da terra do abacaxi.

A Câmara de Marataízes, com todos os seus 13 parlamentares e 60 funcionários, numa cidade de 34 mil habitantes, gastou nos últimos dois anos R$ 262.400,00, quase 650% a mais que o Legislativo cachoeirense.

O que diz a Câmara

A reportagem fez contato com a Câmara na tarde de ontem e foi informada pela atendente, por telefone, que o presidente da Câmara não estava no local e que seu assessor trabalha das 8h às 14.

Já a assessoria de imprensa do Legislativo disse que não poderia se manifestar sobre o assunto, que não tem o contato de Willian Duarte e que somente com protocolo feito ao Parlamento a demanda poderia ser atendida.

Publicidade