Segurança

Caso Jane Cherubin: pai e irmão de Jonas Amaral não serão presos

COMPARTILHE
13875

Após ouvir os depoimentos do pai e do irmão de Jonas Amaral, acusado de agredir a namorada Jane Cherubin em Pedra Menina, o delegado de Alegre, Dedier de Carvalho decidiu por não pedir a prisão deles. A dupla era suspeita de modificar a cena do crime, onde Jane foi agredida.

Veículo da prefeitura de Kennedy se envolve em acidente na “Reta da Caxeta”

Um acidente entre dois automóveis foi registrado na tarde desta segunda-feira (20) em Presidente...

Ronda de Apoio à Família, da Guarda Municipal, completa dois anos em Cachoeiro

A Ronda de Apoio à Família (Rafa), implementada pela prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim,...

Homem é detido em flagrante após receber drogas por Correios em Mimoso do Sul

Um homem foi preso em flagrante na tarde desta segunda-feira (20), após receber um...

Segundo Dedier de Carvalho a ação do pai de Jonas não foi intencional. “Ao meu ver essa mudança da cena do crime não foi intencional. O pai ficou perdido, atordoado, sozinho lá naquele local. Ele tinha que voltar, pelo que constatei. Ele conversou com uma pessoa para ele pegar o caminho na direção de Espera Feliz. Ele veio sozinho e encontrou a polícia no meio do caminho”, contou o delegado.

As oitivas aos envolvidos no caso foram realizadas na Delegacia de Alegre, durante a tarde deste sábado (9). Ainda segundo o delegado, não há contradições entre os depoimentos dos parentes de Jane e da família do agressor.

Continua depois da publicidade

A Polícia Civil continua a investigação do caso e mais testemunhas serão ouvidas no decorrer da semana. Jonas Amaral continua foragido.

Publicidade