Internacional

Trump, sobre Venezuela: 'Todas as opções estão na mesa'

COMPARTILHE
11

O presidente americano, Donald Trump, voltou a dizer que todas as opções “estão na mesa” em relação à situação na Venezuela. Ele pediu que os militares venezuelanos se libertem do atual presidente, Nicolás Maduro, e reforçou que o Brasil, junto aos Estados Unidos, foi o primeiro a reconhecer o oposicionista autodeclarado presidente venezuelano, Juan Guaidó, como presidente oficial.

Futuro governo britânico já está ameaçado

O ex-chanceler Boris Johnson é o favorito para substituir a premiê Theresa May à...

Crime organizado se infiltrou na polícia holandesa, diz relatório

Um relatório da polícia holandesa indica que o crime organizado tem se infiltrado nas...

Alejandro Toledo é preso nos EUA e luta para evitar extradição ao Peru

Autoridades dos EUA prenderam ontem o ex-presidente do Peru Alejandro Toledo, a pedido da...

Ainda segundo Trump, “junto com o Brasil, pudemos alimentar centenas de venezuelanos famintos”.

O líder republicano ainda afirmou que pode haver sanções “muito mais duras” à Venezuela, além das já impostas pelo governo americano.

Continua depois da publicidade

Monique Heemann e Francine De Lorenzo
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade