Internacional

Bolsonaro convida Trump para visita ao Brasil: 'Será muito bem recebido'

COMPARTILHE
7

O presidente Jair Bolsonaro discursa na Casa Branca reiterando alianças com os Estados Unidos, com destaque para a área de energia, que merecerá um fórum especial. Segundo Bolsonaro, acordos firmados na visita desta semana “abrem um capítulo inédito entre os países”, ao retomar assuntos que estavam na pauta “há décadas”.

Número de mortos em ataques no Sri Lanka chega a 310

O número de mortos por causa dos ataques a bomba no Sri Lanka no...

Casa Branca atua para restringir vistos de entrada nos EUA alguns países

O governo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, avançou nesta segunda-feira para restringir...

Buscar verdade sobre eleição não precisa gerar impeachment de Trump, diz Pelosi

Presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi defendeu nesta segunda-feira que se deve caminhar...

Ele abriu seu discurso agradecendo a recepção dos Estados Unidos e convidando Trump a visitar o Brasil. “Será muito bem recebido”, afirmou. “É hora de superar as diferenças. Hoje, o Brasil tem presidente que não é antiamericano. O apoio americano à entrada do Brasil na OCDE será compreendido como um gesto de união”, acrescentou o presidente brasileiro em coletiva de imprensa.

Segundo Bolsonaro, a cooperação militar também tem se ampliado. “O combate ao terrorismo e crime organizado é questão de urgência. O restabelecimento da democracia na Venezuela é de interesse dos dois países”, disse.

Continua depois da publicidade

Ricardo Leopoldo; Beatriz Bulla; Altamiro Silva Júnior e Fernanda Nunes
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade