Cidades

Cachoeiro investiu R$ 44 milhões em saúde pública em 2018

COMPARTILHE
Divulgação
78

A prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim aplicou R$ 44,7 milhões em ações e serviços de saúde pública em 2018. O valor corresponde a 17,79% do orçamento do município no período, índice acima do mínimo de 15% exigido pela legislação federal – uma aplicação superavitária de R$ 7 milhões.

Prefeitura e PM vão atuar em conjunto para diminuir assaltos em Cachoeiro

Com a recente onda de assaltos, o secretário municipal de Segurança e Trânsito, Ruy...

Confira a previsão do tempo para esta terça (19) no Sul do ES

A terça-feira (19) será com sol e aumento de nebulosidade no decorrer do dia,...

Rede municipal de Cachoeiro é a primeira do ES a adotar metodologia Escola da Escolha

Cachoeiro de Itapemirim é a primeira cidade do Espírito Santo a implantar, em sua...

Na comparação com 2017, houve um aumento de 13% no valor investido na rede municipal de saúde: R$ 5,3 milhões a mais.

O aparelhamento e reaparelhamento de unidades básicas de saúde, a ampliação do serviço de Pronto Atendimento Infantil para 24 horas e o aumento do quadro de profissionais em áreas estratégicas são elencados pela Secretaria Municipal de Saúde como alguns dos principais investimentos no ano passado.

Continua depois da publicidade

“Demos passos importantes para melhorar a qualidade do atendimento à população e ampliamos o alcance dos nossos serviços. Estamos fortalecendo a atenção básica no município, que é fundamental por ser a porta de entrada no SUS e por desenvolver ações de prevenção de doenças e de promoção da saúde. Neste ano, vamos investir e avançar ainda mais”, frisa a secretária municipal de Saúde, Luciara Botelho.

Ela destaca que estão em andamento obras de manutenção e melhorias nas estruturas de unidades de saúde. Nessas intervenções, a prefeitura investirá R$ 2,8 milhões, com recursos próprios e do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ).

Outras obras em curso são as reformas dos centros de saúde Bolívar de Abreu e Paulo Pereira Gomes (PPG).

Ainda em 2018, a prefeitura entregou no bairro Coramara uma nova unidade básica de saúde (UBS), que é referência para mais de 5.500 moradores da região.

Publicidade