Economia

Antecipação de compras na Black Friday afetou varejo em dezembro, diz IBGE

COMPARTILHE
9

Cinco entre as oito atividades do varejo registraram perdas nas vendas em dezembro ante novembro de 2018, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Comércio divulgados nesta quarta-feira, 13, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

INCC-M de abril avança 0,49% ante alta de 0,19% em março, revela FGV

O Índice Nacional de Custo da Construção - Mercado (INCC-M) de abril avançou 0,49%,...

FGV: Confiança da Construção fica estável em abril ante março em 82,5 pontos

A confiança da construção ficou estável em abril ante março no nível de 82,5...

Confiança do comércio fica estável em 96,8 pontos em abril ante março, diz FGV

O Índice de Confiança do Comércio (Icom) ficou estável na passagem de março para...

A queda de 2,2% no volume de vendas do comércio varejista na passagem de novembro para dezembro foi provocada por uma antecipação de compras no mês anterior, motivada pelos descontos da Black Friday, praticados ao fim do mês de novembro, avaliou Isabella Nunes, gerente da Pesquisa Mensal de Comércio do IBGE.

Os recuos que mais influenciaram o resultado de dezembro foram os que tiveram crescimentos expressivos na leitura anterior, puxados pelas liquidações da Black Friday: Outros artigos de uso pessoal e doméstico (-13,1%), Móveis e eletrodomésticos (-5,1%) e Tecidos, vestuário e calçados (-3,7%).

Continua depois da publicidade

O setor de Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação encolheu 5,5% em dezembro ante novembro, a quarta taxa negativa consecutiva, enquanto as vendas dos Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo diminuíram 0,3%, após acumular uma alta de 2,0% nos dois meses anteriores.

Por outro lado, houve avanços nas vendas de Livros, jornais, revistas e papelaria (5,7%), Combustíveis e lubrificantes (1,4%) e Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (0,4%).

No comércio varejista ampliado – que inclui as atividades de veículos e material de construção -, as vendas caíram 1,7% em relação a novembro. O volume vendido por Veículos, motos, partes e peças recuou 2,0%. O segmento de Material de construção encolheu 0,4%.

Daniela Amorim
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade