Esporte Nacional

'Vamos parar de tomar gols em dois ou três jogos', promete corintiano Marllon

COMPARTILHE
6

O zagueiro Marllon, titular do Corinthians na derrota para o Novorizontino, neste domingo, garantiu que o time vai parar de falhar defensivamente nos próximos jogos. Só pelo Campeonato Paulista, o time sofreu seis gols em seis partidas. Ele atribuiu os problemas na defesa ao início da temporada e à falta de entrosamento.

Guarani fica sem Victor Ramos e Diego Cardoso para duelo contra o Santos

Eliminado na primeira fase da Copa do Brasil, o Guarani já sabe que terá...

STJD recebe pedido da Ponte Preta para anulação de jogo da Copa do Brasil

Apesar da derrota para o Aparecidense, por 1 a 0, pela Copa do Brasil...

Cristiano Ronaldo marca, Juventus vence e abre 14 pontos de vantagem na liderança

A Juventus segue em forte ritmo rumo ao oitavo título consecutivo do Campeonato Italiano....

“A gente está se conhecendo, tenho certeza de que estamos em evolução, foi nosso sexto jogo. Em dois ou três jogos, vamos estar 100% e vamos parar de tomar gol”, afirmou o defensor em entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira no CT Joaquim Grava. “Temos que trabalhar, não tem como explicar. Trabalhamos todos os dias, fazemos específicos, treinos de bola parada, para evoluirmos”, afirmou.

O zagueiro está buscando seu espaço. Na partida de Novo Horizonte, o técnico Fabio Carille preservou seis titulares para a partida diante do Racing, quinta-feira, na estreia da Copa Sul-Americana. “Tenho trabalhado, buscado, demonstrei nas oportunidades que tive, mostrei meu trabalho. Infelizmente, em alguns jogos a gente não vem bem, temos que concentrar bastante. São muitos reforços, as coisas estão mudando um pouco, mas estamos crescendo. Logo, vamos melhorar e evoluir”, disse o defensor de 26 anos.

Continua depois da publicidade

Embora a zaga considerada titular seja formada por Manoel e Henrique, Marllon afirmou que a disputa na defesa está aberta. “O Carille deixou claro que está aberto, não só a zaga, mas todas as posições. Tive oportunidade ontem de fazer um bom jogo para deixar uma dúvida na cabeça dele.”

O zagueiro garantiu que os adversários desta semana – depois de enfrentar o Racing, o time vai receber o São Paulo em Itaquera, no domingo – não apresentam grandes diferenças para os atletas. “Todos os jogos são iguais: Novorizontino, Racing, o clássico. Fazemos o mesmo trabalho para ter um bom desempenho nos jogos. Vai ser uma semana importante”, avaliou.

Gonçalo Junior
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade