Política Nacional

General Franklimberg volta à presidência da Funai

COMPARTILHE
6

O general Franklimberg Ribeiro de Freitas voltará a ser presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai). A escolha foi feita por Damares Alves, ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, ao qual a Funai está vinculada. Franklimberg esteve na semana passada com Damares Alves, em Brasília. A informação foi confirmada à reportagem por meio de assessores da ministra.

Haddad diz que família Bolsonaro defende a atividade de milicianos

"Como é que alguém que manuseou R$ 7 milhões, em três anos, pode ter...

Procuradoria quer 'efetivo cumprimento' da pena de Enivaldo Quadrado, do mensalão

A Procuradoria-Geral da República enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) manifestação na qual pede...

Dúvidas sobre foro privilegiado cercam Flávio Bolsonaro, diz constitucionalista

O senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) conseguiu junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) a...

Franklimberg deixou o cargo da Funai em 19 de abril do ano passado. Na ocasião, ele vinha sofrendo uma forte pressão da bancada ruralista, que já havia pedido sua saída diretamente ao ex-presidente Michel Temer.

Ele admitiu que, naquele momento, vinha enfrentando uma forte pressão e que não lhe restava outro caminho. Uma das principais influências sobre o órgão vinha do então deputado André Moura (PSC-CE). Cerca de 40 deputados e senadores da bancada ruralista chegaram a apresentar uma carta ao ex-presidente Temer, solicitando a demissão do servidor, sob o argumento de que o atual presidente da Funai não teria colaborado com o setor.

Continua depois da publicidade

André Borges
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade