Geral

Rodízio municipal em São Paulo volta e já está em vigor

COMPARTILHE
7

O rodízio municipal de veículos voltou a valer nesta segunda-feira, 14, no Centro Expandido da cidade de São Paulo. Neste primeiro dia, a restrição deve ser obedecida por carros com placas com o final 1 e 2. Segundo a Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes, a retomada da restrição tem de ser feita por causa do fim das férias escolares e do aumento do fluxo de veículos na capital paulista.

Ex-PM vai a júri nesta quarta-feira por chacina na torcida Pavilhão 9

O Tribunal do Júri começa a julgar nesta quarta-feira, 23, o ex-policial militar Rodney...

Rio: escutas revelam ameaças de milicianos presos contra moradores de comunidade

Escutas telefônicas feitas pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) revelam ações de...

Ação popular pede suspensão imediata do decreto sobre armas de fogo de Bolsonaro

O decreto do presidente Jair Bolsonaro que flexibilizou a posse de armas de fogo...

O rodízio, que estava suspenso desde 21 de dezembro, é válido para dias úteis em dois períodos: das 7h às 10h e das 17h às 20h.

Nos períodos em que o rodízio está ativo, a circulação de veículos no Centro Expandido é proibida. Fazem parte da área de restrição o Mini Anel Viário, formado pelas marginais Tietê e Pinheiros, avenidas dos Bandeirantes e Afonso D´Esccragnole Taunay, Complexo Viário Maria Maluf, avenidas Tancredo Neves e Juntas Provisórias, Viaduto Grande São Paulo e avenidas Professor Luís Inácio de Anhaia Melo e Salim Farah Maluf.

Continua depois da publicidade

Para cada dia útil, dois finais de placa devem obedecer a restrição para circulação no trecho demarcado. Às segundas-feiras, a regra vale para final 1 e 2. Às terças, 3 e 4; às quartas, 5 e 6; às quintas, 7 e 8, e, às sextas, 9 e 0.

Transitar pela área nos horários proibidos é infração média, conforme o Código de Trânsito Brasileiro, com multa de R$ 130,16 e são somados quatro pontos da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Paula Felix
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade