Internacional

EUA: Investigação do FBI sobre influência russa se concentrou em 4 pessoas

COMPARTILHE
7

A investigação de contra-espionagem do FBI sobre possíveis laços entre a campanha do atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e a Rússia inicialmente se concentrou em quatro americanos e se eles estavam ligados aos esforços russos para interferir na eleição presidencial de 2016.

No Twitter, chanceler da Venezuela diz que Maduro foi convidado para posse

Chanceler venezuelano, Jorge Arreaza afirmou em seu Twitter neste domingo que o presidente da...

Trump volta a atacar investigação sobre interferência russa em eleições de 2016

O presidente americano, Donald Trump, e seu advogado Rudy Giuliani proferiram uma nova série...

Cerca de 5 mil protestam na Bélgica contra pacto de migração da ONU; polícia age

Cerca de 5 mil manifestantes se reuniram em torno da sede da União Europeia...

A informação foi dada durante uma entrevista a portas fechadas que o ex-diretor do FBI, James Comey, dada ontem (07) ao Comitê Judiciário da Câmara. O painel divulgou uma transcrição desse questionamento neste sábado. Comey não identificou as pessoas investigadas, mas disse que o próprio Trump não era um deles.

Ele disse ainda que o ex-presidente Barack Obama nunca ordenou que ele monitorasse o FBI ou se infiltrasse na campanha de Trump. O comitê liderado pelos republicanos entrevistou Comey como parte de sua investigação sobre as ações do FBI em 2016. Fonte: Associated Press.

Continua depois da publicidade

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade