Internacional

EUA: Investigação do FBI sobre influência russa se concentrou em 4 pessoas

COMPARTILHE
10

A investigação de contra-espionagem do FBI sobre possíveis laços entre a campanha do atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e a Rússia inicialmente se concentrou em quatro americanos e se eles estavam ligados aos esforços russos para interferir na eleição presidencial de 2016.

Na Venezuela, militares entram em confronto com população

A Força Armada Nacional da República Bolivariana da Venezuela (FANB), guarda militar do país,...

Juan Guaidó reitera que ajuda humanitária entrará na Venezuela

O presidente autodeclarado da Venezuela, Juan Guaidó, reiterou que a ajuda humanitária irá entrar...

Na França, protestos de coletes amarelos voltam a ocorrer neste sábado

Manifestantes franceses de colete amarelo voltaram às ruas do país neste sábado para protestar...

A informação foi dada durante uma entrevista a portas fechadas que o ex-diretor do FBI, James Comey, dada ontem (07) ao Comitê Judiciário da Câmara. O painel divulgou uma transcrição desse questionamento neste sábado. Comey não identificou as pessoas investigadas, mas disse que o próprio Trump não era um deles.

Ele disse ainda que o ex-presidente Barack Obama nunca ordenou que ele monitorasse o FBI ou se infiltrasse na campanha de Trump. O comitê liderado pelos republicanos entrevistou Comey como parte de sua investigação sobre as ações do FBI em 2016. Fonte: Associated Press.

Continua depois da publicidade

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade