Esporte Nacional

Turco Vakifbank bate Praia e será rival do Minas na final do Mundial de Vôlei

COMPARTILHE
9

O Vakifbank Istanbul será o adversário do Minas na final do Mundial Feminino de Clubes de Vôlei. Neste sábado, em Shaoxing, na China, o time turco se classificou à decisão ao derrotar o Praia Clube nas semifinais por 3 sets a 1, com parciais de 25/21, 25/21, 22/25 e 25/18.

Em feito raro, Warriors é eleito 'Personalidade Esportiva do Ano' nos EUA

Atual campeão da NBA, o Golden State Warriors se tornou nesta segunda-feira o quarto...

Com boa atuação de Antetokounmpo, Bucks bate o líder Raptors pela 2ª vez na NBA

Time de melhor campanha na temporada 2018/2019 da NBA, o Toronto Raptors perdeu pela...

Festa do River tem exaltação de Gallardo, provocações a Macri e confusão

Se jogou em Madri, mas o sofrimento e celebração foram absolutos em Buenos Aires....

Horas antes, em outra semifinal entre uma equipe turca e uma brasileira, o Minas havia se dado melhor ao derrotar o Eczacibasi Vitra Istanbul por 3 a 2. Assim, o triunfo do Vakifbank sobre o Praia, de Uberlândia, impediu que o Mundial fosse decido por duas equipes de Minas Gerais.

Neste domingo, às 10 horas (de Brasília), Minas e Vakifbank vão duelar pelo título mundial, sendo que os times se enfrentaram na última rodada da fase de grupos. Os times já estavam garantidos nas semifinais e duelaram sem a força máxima, com o time turco se dando melhor, por 3 a 0.

Continua depois da publicidade

O Vakifbank, assim, tentará conquistar o bicampeonato mundial consecutivo, pois no ano passado também faturou o título. E naquela decisão, em Kobe, havia passado por outro time brasileiro, o Rexona-Sesc Rio, por 3 sets a 0.

Já o Praia voltará a atuar às 7h do domingo e contra o Eczacibasi, com o terceiro lugar do Mundial em jogo. Também pela primeira fase da competição, o time turco triunfou, por 3 sets a 1 – nos compromissos anteriores no torneio, o time de Uberlândia havia batido o Supreme Chonburi, da Tailândia, e o Altay Volleyball, do Casaquistão, por 3 a 0.

A chinesa Ting Zhu fez a diferença para o VakifBank na semifinal com o Praia ao marcar 20 pontos, dois a mais do que a holandesa Lonneke Slöetjes. Fernanda Garay fez 18 pontos pelo time do interior mineiro, enquanto Rosamaria anotou 12, mesmo tendo iniciado a partida entre as reservas.

O primeiro set da partida foi equilibrado, mas o time turco quase sempre esteve à frente do placar, vencendo por 25/21. O placar se repetiu na segunda parcial, mas a dinâmica foi bem diferente, com o Vakifbank chegando a abrir 8/2 e o Praia esboçando uma reação após a entrada de Rosamaria, ainda que não tenha conseguido evitar a derrota.

No terceiro set, com Rosamaria em quadra desde o começo, o Praia começou melhor, chegou a fazer 8/4 e assegurou o triunfo por 25/22. Embalado, chegou a liderar o placar por 15/10 na quarta parcial. Mas permitiu a reação do Vakifbank, que fez seis pontos seguidos e depois fechou a parcial em 25/18 e o jogo em 3 a 1.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade