Geral

Sonda da Nasa capta som do vento em Marte; ouça

COMPARTILHE
259

A agência espacial americana (Nasa) divulgou nesta sexta-feira, 7, um áudio do vento em Marte. Os rumores de baixa frequência foram coletados pela sonda Insight durante seus primeiros dias de operação no planeta vermelho.

STJ manda soltar quatro policiais de SP envolvidos em tiroteio em MG

O ministro Reynaldo Soares da Fonseca, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), concedeu liminar...

Atirador de Campinas cita vontade de 'fazer algo grande' em anotações

Em trechos de novas anotações do atirador da Catedral de Campinas, divulgados nesta sexta-feira,...

Réveillon na Paulista terá Gal Costa, Jorge Ben Jor e shows de humor

A Prefeitura de São Paulo anunciou nesta sexta-feira, 14, a programação oficial da festa...

O barulho é do vento soprando contra os painéis solares da InSight e da vibração resultante da nave espacial. Os sons foram gravados por um sensor de pressão de ar dentro da sonda e por um sismógrafo localizado no convés do aparelho.

Clique aqui

Continua depois da publicidade

O módulo espacial insight é a primeira missão da agência espacial americana Nasa para estudar o interior de Marte. A sonda pousou no dia 26 de novembro com sucesso na superfície do planeta vermelho depois de uma viagem de 485 milhões de quilômetros, que separam a Terra de Marte.

Imagem de Marte feita pela sonda Insight — Foto: Nasa

Para “aterrissar” com sucesso, InSight teve de superar os tais “sete minutos de terror”, como foi batizada pela Nasa a delicada e breve fase de sua missão na qual o módulo atravessou a atmosfera marciana a quase 20 mil quilômetros por hora até reduzir sua velocidade para cerca de oito quilômetros por hora pouco antes de pousar.

O que a sonda vai investigar

Diferentemente de outras missões anteriores da Nasa centradas na superfície ou na atmosfera de Marte, a novidade da InSight é que seu principal propósito é estudar o interior do planeta para conhecer mais de perto sua composição e evolução. Para isso, conta, entre outros instrumentos, com um sismógrafo e uma sonda que medirão a atividade e a temperatura internas do planeta, respectivamente.

Neste ponto, será fundamental o trabalho de uma escavadora mecânica, incluída no módulo, que perfurará até cerca de cinco metros de profundidade a superfície marciana. O módulo pousou e se instalou nesta segunda em uma região plana de Marte conhecida como Elysium Planitia, onde realizará sua atividade investigativa.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade