Política Nacional

Damares Alves é confirmada no Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos

COMPARTILHE
15

A pastora e advogada Damares Alves foi confirmada na chefia do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos. O anúncio foi feito pelo ministro extraordinário e coordenador da equipe de transição do governo, Onyx Lorenzoni, na tarde desta quinta-feira, 6. A pasta, ainda segundo o ministro, deve ficar responsável pela Fundação Nacional do Índio (Funai).

Casa Civil de Witzel nomeia irmã de juiz da Lava Jato para cargo comissionado

O secretário de Casa Civil e Governança do Rio, José Luis Zamith, nomeou Marcilene...

Em live com Eduardo Bolsonaro, vice-premiê da Itália pede votos

O vice-primeiro-ministro da Itália e um dos líderes do partido eurocético Liga, Matteo Salvini,...

Salles decide militarizar ministério do meio ambiente

A área ambiental do governo Bolsonaro passa por um processo de militarização. Do alto...

O convite de Bolsonaro à pastora, na semana passada, provocou atrito com a bancada evangélica. Damares foi assessora do senador Magno Malta (PSC-ES), que não conseguiu se reeleger e não foi chamado para compor o primeiro escalão do novo governo. Nesta quarta-feira, 5, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse que as portas “estão abertas” para Malta, mas que não seria “adequado” colocá-lo à frente de um ministério.

Leonêncio Nossa e Tânia Monteiro
Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Continua depois da publicidade