Internacional

Premiê britânica pode deixar que Parlamento decida sobre 'backstop'

COMPARTILHE
4

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, disse hoje que poderá deixar que o Parlamento britânico decida sobre utilizar o polêmico mecanismo de “backstop” para impedir o retorno de uma fronteira dura entre Irlanda do Norte e Irlanda.

Gabinete britânico faz reunião de emergência para discutir votação do Brexit

O gabinete do Reino Unido realizou nesta segunda-feira uma reunião de emergência para discutir...

'Coletes amarelos' devem precipitar desaceleração do PIB da França

A economia da França vai crescer a um ritmo mais lento no quarto trimestre...

Plebiscito no Peru proíbe reeleição de deputados

Os primeiros resultados oficiais do plebiscito realizado neste domingo, 9, no Peru confirmaram a...

Nas últimas semanas, May tem tido dificuldades para obter apoio de parlamentares para o acordo do Brexit que fechou com a União Europeia.

Segundo May, o acordo para a retirada do Reino Unido da UE permitiria ao país decidir sobre invocar ou não o backstop.

Continua depois da publicidade

Em entrevista ao vivo à rádio BBC, May disse que “as pessoas estão preocupadas com o papel do Reino Unido na tomada dessas decisões e a coisa óbvia (a fazer)…é que o Parlamento tome essas decisões”.

Os comentários vêm num momento em que opositores alegam que o backstop poderá manter o Reino Unido ligado à UE por muitos anos. Fonte: Associated Press.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade