Esporte Nacional

Valverde conta com retorno de Messi no Barcelona e não relaciona Dembélé

COMPARTILHE
10

O técnico Ernesto Valverde terá as voltas de Lionel Messi e Samuel Umtiti, recuperados de lesões, para a partida do Barcelona neste domingo, contra o Betis, em casa. O treinador, porém, deixou Ousmane Dembélé de fora da lista de relacionados, depois de o atacante francês se ausentar de um treinamento na quinta-feira.

Vasco vence Corinthians nos pênaltis e enfrenta o São Paulo na final da Copa SP

O Vasco está na final da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Após abrir...

São Paulo faz 5 a 2 no Guarani em Araraquara e volta à final da Copa SP

Atual vice-campeão, o São Paulo está de volta à final da Copa São Paulo...

Antes de desaparecimento, Sala disse que avião estava 'aos pedaços'

O jogador Emiliano Sala enviou um áudio para amigos minutos antes do avião em...

“Não foi um castigo contra Dembélé, mas cada um pode interpretar como quiser. Às vezes, uns são relacionados e outros não. Minha intenção é fazer é melhor para meu clube”, disse Valverde em entrevista coletiva neste sábado. O técnico espanhol encerrou o assunto de um possível ato de indisciplina ao dizer que “questões internas são internas”.

Apesar do desentendimento com o atleta, Valverde afirmou que não pensa em se desfazer do francês na próxima janela de transferências, que vai abrir em janeiro. “No mercado, pensamos que devemos buscar o melhor e o talento de Dembélé é muito difícil de repor. É um grande jogador e esperamos o melhor dele”, disse Valverde.

Continua depois da publicidade

Autor do gol do Barcelona no empate por 1 a 1 com a Inter de Milão, na última terça-feira, em casa, pelo Grupo B da Liga dos Campeões da Europa, o atacante Malcom pode se aproveitar da perda de espaço de Dembélé, mas Valverde despistou. “A titularidade vai depender do rendimento de Malcom. Entrou há pouco tempo no time, mas tem ótima atitude. A temporada é longa e veremos se começa jogando contra o Betis ou não”, comentou o técnico.

Valverde também pediu cautela com Messi, recuperado de uma fratura no braço. “Perdeu o medo de cair, de trombar com um adversário. Isso é o principal. É preciso ficar de olho nele, mas foi relacionado porque não há risco e pode ser titular”, revelou o treinador espanhol.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade