Eleições 2020

Com renovação de 50%, ES amplia participação feminina na Câmara

COMPARTILHE
489
Advertisement
Advertisement

Na Câmara, dos 10 deputados federais originalmente eleitos em 2014, apenas quatro se reelegeram nesse domingo (7): Sérgio Vidigal, do PDT, Paulo Foletto, do PSB, Helder Salomão, do PT, e Evair de Mello, reeleito, mas com nova legenda, o PP.

PEC pede adiamento de eleições municipais para 6 de dezembro por causa da Covid-19

Uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) prevê que as eleições municipais de 2020,...

Todo mundo agora entrou no debate sobre adiamento das eleições, diz Maia

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), está confiante de que o debate sobre...

Pré-candidatos já podem arrecadar verba com financiamento via internet

Os pré-candidatos às eleições municipais de 2020 já podem começar, a partir desta sexta-feira...

Representante do DEM, Norma Ayub também continuará na Câmara, onde entrou em 2016, ao substituir Max Filho, que deixou o cargo para disputar a prefeitura de Vila Velha.

Lelo Coimbra (MDB), escolhido pelo presidente Michel Temer líder da maioria na Casa, Givaldo vieira (PT). Marcos Vicente (PP) e Dr. Jorge Silva (PROS), não conseguiram se reeleger. O deputado federal Carlos Manato, eleito em 2014 pelo SD, trocou de partido e não disputou a reeleição, tentou o Governo do Estado pelo PSL, mesma legenda de Jair Bolsonaro. Saiu-se bem nas urnas, foi o segundo mais votado.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Mas se Carlos Manato saiu, sua esposa Soraya Manato, também do PSL, foi eleita. Os outros nomes novos são Amaro Neto (PRB), Felipe Rigoni (PSB), Da Vitória (PPS), e Lauriete (PR), esposa do senador Magno Malta, que não conseguiu se reeleger.

Aliados

Quem ganhou com toda esta mudança foi o PSB, partido do governador eleito Renato Casagrande, que elegeu mais um deputado federal: Felipe Rigoni. Outros quatro são de partidos que integraram a coligação do socialista: Sérgio Vidigal (PDT), Norma Ayub (DEM), Evair Melo (PP) e Josias Da Vitória (PPS).

A boa notícia é que a participação feminina cresceu. A partir de 2016, o Espírito santo terá três deputadas federais: Soraya, Norma e Lauriete. Para quem acredita em coincidências, as três são casadas com nomes influentes da política capixabas.

Advertisement

BANCADA ATUAL

Sérgio Vidigal (PDT) – reeleito com 73.030

Norma Ayub (DEM) – reeleita com 57.156

Paulo Foletto (PSB) – reeleito com 55.957

Helder Salomão (PT)  – reeleito com 73.384

Evair de Melo (PV) – reeleito pelo PP com 48.412

Marcus Vicente (PP)  não se reelegeu

Lelo Coimbra (MDB) – não se reelegeu

Givaldo Vieira – (PT) – não se reelegeu

Dr. Jorge Silva (Pros) – não se reelegeu

Carlos Manato (SD) – disputou para governador

NOVOS DEPUTADOS

Amaro Neto ( PRB) – eleito com  181.813

Felipe Rigoni  (PSB)  – eleito com  84.405

Da Vitoria ( PPS)  – eleito com 74.787

Soraya Manato ( PSL) – eleita com  57.741

Lauriete (PR) – eleita com 51.983

BANCADA ELEITA (2019-2022)

Amaro Neto ( PRB) 181.813 votos

Felipe Rigoni  (PSB)  84.405 votos

Da Vitoria ( PPS) 74.787 votos

Helder Salomão (PT) 73.384 votos

Sérgio Vidigal (PDT) 73.030 votos

Soraya Manato ( PSL) 57.741 votos

Norma Ayub (DEM) 57.156 votos

Paulo Foletto (PSB) 55.957 votos

Lauriete (PR) 51.983 votos

Evair de Melo (PP) 48.412 votos

 

 

 

 

 

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.