Cidades

Caminhada lembra um ano do acidente com grupo de dança de Domingos Martins

COMPARTILHE
454

Neste domingo (9), uma caminhada, em Domingos Martins, será realizada em memória das vítimas do Grupo Folclórico Bergfreunde que morreram há um ano, em um trágico acidente, na BR 101, em Mimoso do Sul. O ato é uma iniciativa do grupo que pede por justiça e paz no trânsito.

Escolas de Cachoeiro apresentam trabalhos sobre sustentabilidade

Nesta quinta-feira (19), a Praça Jerônimo Monteiro, localizada na região central de Cachoeiro de...

Regularização do motofrete em Cachoeiro é aprovada pela Câmara de Vereadores

A Câmara de Cachoeiro aprovou na sessão desta terça-feira (17) projeto de lei do...

Caminhão-cegonha erra rota e atinge fios no centro de Cachoeiro

Um caminhão-cegonha, que possivelmente errou a rota, atingiu fios de energia da rua 25...

O início da caminhada está marcado para às 16 horas deste domingo (9), no antigo Hotel Imperador, no centro da cidade. Por meio das redes sociais, o grupo fez o convite para que os participantes vistam roupas brancas, e se unam no pedido de paz e segurança nas estradas.

A postagem diz: “Amigos! Já faz quase um ano. A gente lembra todo dia. Mais de uma vez por dia. E ainda assim, depois de 12 meses, é difícil acreditar que aconteceu. Às vezes, a gente fecha os olhos e tenta imaginar que tudo não passou de um pesadelo. E que assim que abrirmos os olhos vamos enxergar nossos amigos aqui conosco. É duro aceitar que não é isso que acontece. É duro aceitar que por imprudência, descaso e soberba, perdemos nossos amigos, irmãos, filhos, pais”.

Continua depois da publicidade

O texto da postagem ainda frisa o sentimento de impunidade. “E o pior: Um ano depois e nada foi feito. Continua acontecendo. Acontece todos dias. Os dados da violência no trânsito no Brasil podem ser comparados a de uma guerra civil. Por isso, convidamos todos a se unir conosco nesta luta. Precisamos de justiça, precisamos de estradas mais seguras e motoristas mais conscientes”, diz o texto.

Uma celebração ecumênica será realizada na próxima segunda-feira (10), na igreja de São Gonçalo, no centro de Domingos Martins, às 19 horas. A intenção principal do culto é pela memória das vítimas que participavam do Grupo.

O acidente

A tragédia que vitimou 10 integrantes do Grupo Bergfreunde, e o motorista do micro-ônibus, aconteceu no dia 10 de setembro de 2017, no km 450 da BR 101, em Mimoso do Sul. O Grupo retornava de uma apresentação na Deutsches Fest – Festa Alemã da Borboleta, em Juiz de Fora, Minas Gerais.

O micro-ônibus que transportava o grupo foi atingido por um caminhão que transportava placas de granito, que seguia pelo sentido Rio de Janeiro. Ao mudar de faixa, as placas se desprenderam do veículo e atingiram o micro-ônibus que seguia no sentido Vitória.

Ao ser atingido o micro-ônibus invadiu a contramão e bateu de frente com uma caminhão carregado de bebidas. Os dois veículos pegaram fogo. Os corpos das vítimas foram carbonizados.

O Grupo Folclórico Bergfreund, é o mais antigo grupo de danças folclóricas europeias do Espírito Santo. Ele foi fundado em 25 de fevereiro de 1984, em Campinho, sede do município. Após o acidente, o grupo conseguiu se reerguer (veja vídeo) com o retorno de ex-integrantes, entrada de novos mebros e permanecia dos que sobreviveram à tragédia.

Luto

Os dias seguintes à tragédia foram marcados por dor e tristeza, pelos familiares e amigos dos dançarinos. A comoção tomou conta da cidade de Domingos Martins e de todo o Estado pela morte de pessoas jovens e voluntárias na preservação e difusão da cultura alemã.

Os velórios e sepultamentos ocorreram em dois momentos devido aos procedimentos de identificação dos corpos das vítimas. O centro de Domingos Martins recebeu milhares de pessoas que se despediram e prestaram as últimas homenagens aos dançarinos.

Publicidade