Economia

Vendas no varejo dos EUA sobem 0,1% em agosto ante julho, mas frustram previsão

COMPARTILHE
5

As vendas no varejo dos Estados Unidos cresceram 0,1% em agosto ante o mês anterior, após ajustes sazonais, para US$ 509 bilhões, informou o Departamento do Comércio nesta sexta-feira. Analistas ouvidos pelo Wall Street Journal previam alta maior, de 0,4%.

ANP ouvirá o mercado sobre mudanças regulatórias no setor de gás natural

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) lançará em outubro uma...

Inflação ao consumidor do Japão avança 1,3% na comparação anual de agosto

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) do Japão avançou...

BC facilita transferências de até R$ 10 mil do exterior para o Brasil

O Banco Central editou nesta quinta-feira, 20, uma circular que busca facilitar as transferências...

Por outro lado, as vendas no varejo de julho tiveram alta mensal de 0,7%, acima do avanço de 0,5% anteriormente reportado, mostrou a revisão do indicador.

Em agosto, as vendas no varejo tiveram crescimento de 6,6% ante igual mês de 2017.

Continua depois da publicidade

A fraqueza em geral do dado mensal foi fruto em grande medida do recuo nas vendas de automóveis. As vendas de automóveis e de partes de automóveis recuaram 0,8% ante o mês anterior. Excluindo-se automóveis, houve alta de 0,3% nas vendas no varejo, ante previsão de avanço de 0,5% dos analistas.

Os gastos dos consumidores são um importante motor da economia americana e representam cerca de dois terços da produção econômica. Os dados de vendas no varejo, porém, podem mostrar volatilidade a cada mês. O dado de hoje sugere que os gastos continuavam a ser fortes no início do terceiro trimestre, mas perdiam um pouco de fôlego. Fonte: Dow Jones Newswires.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Publicidade