Segurança

Jovem é vítima de estupro coletivo em Piúma

COMPARTILHE
5140
Advertisement
Advertisement

Uma jovem de 25 anos está internada em estado grave após ter sido vítima de estupro coletivo e tortura no bairro Céu Azul, em Piúma. Os envolvidos são dois jovens e um adolescente.

Homem é preso em Guaçuí após ameaçar ex-mulher com garrucha

Um homem foi preso suspeito de ameaçar a ex-mulher com uma arma de fogo....

Homem é detido com drogas, arma e anabolizantes no bairro União, em Cachoeiro de Itapemirim

Um homem foi detido após ser abordado por policiais militares na madrugada deste sábado...

Mais de 500 gaiolas são destruídas pela Polícia Militar Ambiental no Sul do ES

A Polícia Militar Ambiental que atua na região do Caparaó, realizou na manhã desta...

De acordo com a Polícia Civil, apesar dos ferimentos, a vítima conseguiu identificar os suspeitos, que foram presos logo após o crime, na última sexta-feira (24).

A jovem foi encontrada por populares, desmaiada, no meio de um pasto. A Polícia Militar foi acionada e ela foi levada para o hospital Nossa Senhora da Conceição, de onde foi transferida para o Hospital São Lucas, em Vitória, devido à gravidade dos ferimentos.

Advertisement
Continua depois da publicidade

Ela contou que foi arrastada por quatro homens até um pasto que fica próximo a um pinicão, onde foi estuprada e espancada. Além da violência sexual, a jovem sofreu múltiplas lesões pelo corpo, como corte no pescoço e traumatismo craniano.

Mesmo ferida ela conseguiu contar quem foram os agressores. Dois deles, de 19 e 20 anos, foram autuados por tráfico de drogas, tentativa de feminicídio, formação de quadrilha e estupro. Eles foram encaminhados para o presídio. Um adolescente, de 17 anos, também vai responder pelo ato infracional análogo pelos mesmos crimes e foi encaminhado para o Instituto de Atendimento Sócio Educativo (Iases).

Investigação

O caso segue sob investigação da Delegacia de Piúma.

Advertisement

Advertisement

Ajude o bom jornalismo a nunca parar! Participe da campanha de assinaturas solidárias do AQUINOTICIAS.COM. Saiba mais.