Segurança

Garota mata idoso com mais de 30 facadas em Muniz Freire

COMPARTILHE
11451

Uma adolescente de 17 anos foi apreendida após assassinar um idoso de 68 anos no final de semana em Muniz Freire. Milton Anselmo Ribeiro foi atingido com mais de 30 facadas no rosto e cabeça na noite de sábado (9), em sua residência, no bairro Vicente de Paula, conhecido popularmente como Caparaó. Ele foi socorrido com vida para o hospital da cidade e transferido para a Santa Casa de Cachoeiro, onde faleceu no domingo (10).

Penas de acusados de matar professora em Cachoeiro somam 57 anos

Dois dos quatros suspeitos de assassinar a professora aposentada Anna Gava, 77 anos, do...

Construção em área de preservação permanente é flagrada em Divino de São Lourenço

A Polícia Ambiental flagrou na última quinta-feira (16) uma construção residencial em fase inicial...

Jovem é preso com 40 buchas de maconha em Cachoeiro

Um jovem de 19 anos foi preso na noite de ontem (17) em Cachoeiro...

De acordo com a Polícia Militar, a adolescente é usuária de drogas e teria visto quando o idoso recebeu a quantia de R$ 2 mil na tarde de sábado. Ela teria seguido Milton até sua casa e no início da noite entrou no local com uma faca para roubá-lo. Ela desferiu vários golpes na cabeça e rosto da vítima, além de agredi-lo com sua muleta.

Sem êxito no roubo, segundo o boletim de ocorrências da PM, a adolescente chegou a ligar para o 190 e informado sobre o crime. Porém, teria encerrado a ligação sem maiores detalhes. Por volta das 18h40, outra pessoa que teria ido ao local e não conseguiu falar com vítima, acionou a polícia, que entrou na casa e encontrou Milton ensanguentado em cima da cama. Ele foi socorrido de ambulância para o hospital da cidade.

Continua depois da publicidade

A adolescente foi localizada por volta das 21h30 próximo à casa da sua mãe e confessou o crime. Ainda segundo seu depoimento no boletim da PM, ela disse que soube que o idoso tinha sido transferido com vida para o hospital de Cachoeiro e que caso sobrevivesse, iria matá-lo.

O Conselho tutelar foi acionado e a adolescente encaminhada junto com os pais para a Delegacia de plantão em Venda Nova do Imigrante para as providências cabíveis.

Publicidade