Cidades

PRF inicia Operação Égide nas divisas do ES

COMPARTILHE
Foto: Wanderson Amorim
800
Advertisement
Advertisement

A Polícia Rodoviária Federal iniciou nesta quinta (22), a Operação Égide nas divisas do ES. Com a operação o Estado ganhará reforço nas rodovias federais da divisas com o RJ e MG. Serão realizadas fiscalizações ostensivas nas BRs 101 e 262 com monitoramento 24 horas e ações de inteligência.

Continua depois da publicidade

O objetivo é evitar a fuga e migração de criminosos para o ES e fortalecer a segurança da população capixaba. A PRF/ES, que já tem equipes atuando na região metropolitana do RJ, reforçará a fiscalização nas regiões de divisas, inclusive atuando em território fluminense e mineiro. No lado capixaba das divisas, a PM/ES prestará apoio na operação.

De acordo com o chefe de operações da PRF, Ramide, responsável pelo trecho Viana x Mimoso do Sul, policiais rodoviários estarão atuando 24 horas na operação, na divisa com o RJ, no km 461, em Mimoso do Sul, no posto de fiscalização do Idaf.

“Essa operação teve início em julho de 2017, no Rio de Janeiro, com foco em bandidos especializados em roubos de carga. Desde então, o ES tem enviado 15 PRFs para participar da ação no estado vizinho. A partir do decreto de intervenção, a operação foi estendida para o Espírito Santo. Vamos atuar 24 horas no combate a criminalidade, fazendo abordagens e as fiscalizações de rotina. Nossa expectativa é que a partir do próximo mês o Ministro da Justiça libere os 15 policias rodoviários que estão atuando no RJ para voltarem a trabalhar aqui”, disse o inspetor da PRF.

Continua depois da publicidade

A PRF/ES conta com informações, em tempo real, de todos os locais onde ocorre a Operação Égide, tanto operacionais como, principalmente, informações de inteligência. A operação nas divisas do ES não tem prazo para terminar.

OPERAÇÃO ÉGIDE RIO

A Operação Égide Rio reforça o patrulhamento das rodovias federais do Rio de Janeiro com mais 380 (trezentos e oitenta) Policiais Rodoviários Federais vindos de outros Estados e concentrados em locais e horários de maior incidência de crimes para fiscalização e abordagens. Neste reforço estão incluídos agentes especializados em inteligência policial, operações com cães farejadores e motopoliciamento.

Advertisement
Continua depois da publicidade

A operação foi ampliada para fronteiras e corredores, com o objetivo também de quebrar a logística de fornecimento de armas e drogas para o RJ.

 

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].