Castelo

Radar em Castelo começa a autuar

COMPARTILHE
1485

Na próxima quinta-feira (25), os radares localizados no quilômetro 31,6 da Rodovia ES 166, na Serra de Castelo, começarão a autuar os motoristas por excesso de velocidade. Desde suas instalações – no início de dezembro do ano passado – eles se encontravam em modo educativo, com as luzes piscantes, para que os motoristas que costumam trafegar por essa via pudessem se acostumar com a presença deles.

Recorde de corredores marca 41ª edição da Corrida de São Pedro em Cachoeiro

“Esta é a minha quarta participação na corrida. Quando era adolescente, eu corri. Hoje,...

“Neste ano vamos fazer uma festa para representar as mulheres”, diz Cachoeirense Ausente Neuza Brunoro

A chegada da Cachoeirense Ausente nº 1, a professora e nutricionista Neuza Maria Brunoro...

Programa Formação Pela Escola abre 270 vagas em cursos gratuitos em Cachoeiro

A Secretaria Municipal de Educação (Seme) de Cachoeiro de Itapemirim abriu 270 novas vagas...

A velocidade máxima permitida no local é de 40 quilômetros e os veículos que ultrapassarem esse limite serão autuados. Os equipamentos estão localizados nos dois sentidos da rodovia, fiscalizando quem segue em direção ao município de Castelo e também no sentido da Rodovia BR 262. Com a instalação desses radares, o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Espírito Santo (DER) passa a ter um total de 102 pontos monitorados em todo o Estado.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), os valores das multas e os pontos acrescentados na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do motorista possuem valores variados, dependendo do percentual do limite de velocidade que ele ultrapassou no radar.

Continua depois da publicidade

Quando o excesso de velocidade até 20% do limite permitido, o valor da multa é de R$ 130,16, mais quatro pontos na carteira e infração considerada média. Caso o motorista exceda entre 20% e 50%, a multa será de R$ 195,23 com mais cinco pontos e infração grave.

Para os casos de ultrapassar a velocidade acima de 50%, o motorista pagará R$ 880,41 de multa, terá sete pontos na carteira e incorrerá em uma infração de natureza gravíssima. Porém, devido à natureza da infração, os pontos serão multiplicados por três, levando o infrator a acumular 21 pontos. Nesse caso, há uma medida administrativa para esta multa: suspensão imediata do direito de dirigir e apreensão do documento de habilitação por ultrapassar o limite de 20 pontos na CNH.

Publicidade