Atílio Vivácqua

Morre aos 53 anos o prefeito de Atílio Vivácqua, Almir Barros

COMPARTILHE
1307

Morreu na noite desta quarta-feira (17), o prefeito de Atílio Vivácqua, Almir Lima Barros, 53 anos, (PSB). Ele estava internado no Hospital Unimed, em Cachoeiro de Itapemirim, e lutava contra um câncer. A prefeitura local decretou luto oficial de três dias.

Cachoeiro ganha centro de referência para pessoas em situação de rua

A prefeitura de Cachoeiro inaugurou nesta segunda-feira (14) o “Espaço Vida”, Centro de Referência...

Alto União e Monte Belo recebem obras do Transforma Cachoeiro

Os bairros Alto União e Monte Belo já estão recebendo as obras do programa...

Casa é destruída por fogo e idoso é salvo por sobrinho em Castelo

Uma  casa pegou fogo na tarde desta segunda-feira (14), no bairro Niterói, em Castelo....

O corpo do prefeito será velado no Centro Cultural e Esportivo “Scarpão”. Às 13h30 o corpo será levado para o cemitério de Santa Rosa, no sítio dele, onde o pai e a mãe estão enterrados.

O PSB emitiu nota lamentando a morte do socialista. “Almir teve extensa folha de serviços prestados à sociedade local, como produtor rural e homem público, que honrou mandatos de vereador, vice-prefeito e prefeito. Quadro estimado do Partido Socialista Brasileiro no Estado do Espírito Santo, que guardará seu exemplo e referência política”, disse a nota da Comissão Executiva do Diretório do PSB-ES.

Continua depois da publicidade

O prefeito em exercício, Josemar Machado Fernandes (PDT), que está à frente da Prefeitura desde o segundo semestre de 2017, quando Almir se licenciou do cargo para fazer tratamento médico, decretou luto oficial de três dias no município.

Publicidade