Arte e Espetáculo

Música orgânica e poesia de cordel durante apresentação de espetáculo em Guaçuí

COMPARTILHE
254
Advertisement
Advertisement

Sob um olhar poético músicos da região do Caparaó apresentam, no Teatro Fernando Torres, em Guaçuí, canções autorais, música orgânica e poesia com ares cordelistas.  Trata-se do espetáculo “A Força Vem da Terra”, na próxima quinta-feira (7), a partir das 20h.

Continua depois da publicidade

O musical conta com 14 composições próprias. Cinco, de autoria do vocalista da banda Amor TranscedenTAO, Cris Cantaluz. Cris é o idealizador da primeira Orquestra de Viola e Sanfona de Bom Jesus do Itabapoana, no Estado do Rio de Janeiro e professor de canto, musicoterapia e instrumentos. O grupo tem entre seus integrantes a musicista bom-jesuense Anízia Maria, professora de piano e musicalização infantil, como violoncelista. Completando a formação da banda, o compositor de origem chilena, Marcel Cantaluz, apresenta quatro de suas composições.

O músico da banda Terra Sem Males, Flávio Gomes, será responsável por apresentar quatro canções de sua autoria. A banda de Patrimônio da Penha, distrito de Divino de São Lourenço, conta ainda com Aline Maria, fechando o set list das músicas apresentadas.

O show contará com os vocais da artista de origem holandesa, Tiaya Godoy e do arranjador musical, violinista, rabequeiro e diretor da Orquestra Sol Maior, de Cachoeiro de Itapemirim, Hebert Cock. Ele fez os arranjos de algumas das composições que serão apresentadas e vai tocar violino e rabeca. Os “Ingressos Gratidão” poderão ser retirados no dia do evento de forma gratuita ou pelo valor que cada pessoa puder colaborar.

Continua depois da publicidade

Cris Cantaluz diz que o público pode ter ainda uma surpresa durante o show. “Convidamos uma musicista muito iluminada, vamos aguardar. Talvez ouçamos uma raridade musical no palco do Teatro Fernando Torres”, finaliza Cris.

Advertisement

O conteúdo do AQUINOTICIAS.COM é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não é permitida a sua reprodução total ou parcial sob pena de responder judicialmente nas formas da lei. Em caso de dúvidas, entre em contato: [email protected].

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here